MENU

17/01/2023 às 18h12min - Atualizada em 17/01/2023 às 18h12min

GMI recupera celulares e moto roubados e apreende som por perturbação do sossego público

Dupla que estava com a motocicleta e o proprietário do som foram conduzidos para a Delegacia

Dema de Oliveira
Equipe do ROMU da GMI recuperou celulares roubados - Foto: Assessoria
 
No fim de semana, a partir de sexta-feira (13), equipes da Guarda Municipal de Imperatriz, entre elas uma da Ronda Ostensiva Municipal (ROMU), realizaram operações para atendimento a denúncias feitas por munícipes, ocasião que foram recuperados celulares e moto com restrição por furto, sendo que os ladrões da moto foram presos e uma ocorrência por perturbação do sossego público.

 

Celulares roubados são recuperados

Uma equipe da Guarda Municipal de Imperatriz (GMI), em rondas de rotina pelo bairro Santa Inês, foi comunicado por um munícipe, que denunciou que sua residência tinha sido alvo de ação criminosa. Segundo o munícipe, indivíduos entraram na casa, renderam três pessoas e roubaram vários objetos pessoais, incluindo quatro aparelhos de telefones móveis (celulares) e joias.

Diante da denúncia, a equipe solicitou apoio da Ronda Ostensiva Municipal (ROMU), que por meio de rastreamento, conseguiu a localização onde os celulares roubados foram deixados pelos criminosos. Todos os três celulares, do modelo iPhone, foram encontrados e recuperados, atrás de um condomínio. Quanto as joias, estas ainda não foram recuperadas. Os celulares, foram apresentados na Delegacia Regional de Polícia Civil de Imperatriz, onde a autoridade policial de plantão fez a restituição. Toda essa operação, foi acompanhada de perto, pelo comandante da Guarda Municipal de Imperatriz, Valterly Costa.

 

Motos recuperadas e assaltantes presos

Em outra ocorrência, a GMI, recebeu uma denúncia, que havia um casal conduzindo uma motocicleta Biz vermelha em atitude suspeita, na Rua Alagoas, bairro Nova Imperatriz. Diante da denúncia, uma guarnição composta pela Ronda Ostensiva Municipal (ROMU), foi deslocada para área, par averiguar o fato. Imediatamente a guarnição da ROMU, conseguiu identificar os indivíduos e em seguida, realizou busca pessoal e consulta, para saber a real situação da motocicleta que eles conduziam. Na consulta, foi constatado que a moto, tinha restrição por furto.

Diante da constatação de que a moto era produto de furto, o casal foi preso e, junto com a moto, foi apresentado na Delegacia Regional de Polícia Civil em Imperatriz, onde a autoridade policial de plantão realizou os procedimentos que o caso requer. O casal foi autuado por receptação qualificada de produto furtado.

 

Perturbação do sossego público

No sábado (14), após diversas denúncias de perturbação do sossego público, guarnição de serviço deslocou até a Rua Hermes da Fonseca, na Vila Lobão, onde os agentes da GMI, verbalizaram, a fim de cessar o transtorno, causado por morador com som alto. Entre vários pedidos da guarnição, o cidadão desobedeceu à ordem para diminuição do voluma do som ou até o seu total desligamento. Por permanecer em desobediência, foi necessário a condução do cidadão, que foi apresentado juntamento com o aparelho de som, no Plantão Central da 10ª Delegacia Regional de Polícia Civil.

O cidadão, foi submetido a um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO) e colocado em liberdade, entretanto o som ficou apreendido.

Todas essas operações, foram acompanhadas de perto, pelo comandante da Guarda Municipal de Imperatriz, Valterly Costa, que estacou que “essas operações são reflexos do trabalho da segurança pública. Nós continuamos fazendo rondas na região, observando os locais de maior concentração de crimes, fazendo um trabalho de participação junto com a comunidade, para tentar conter os índices de criminalidade em Imperatriz”.

Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
OPROGRESSONET Publicidade 1200x90