MENU

18/11/2020 às 00h00min - Atualizada em 18/11/2020 às 00h00min

Candidatos a prefeito ainda não prestaram contas de suas campanhas

Até ontem ao meio-dia, com exceção de Assis Ramos, os principais candidatos a prefeito de Imperatriz ainda não haviam prestado contas à Justiça Eleitoral

Willian Marinho
Foto: Divulgação

Até ontem ao meio-dia, com exceção de Assis Ramos, os principais candidatos a prefeito de Imperatriz  ainda não haviam prestado contas de suas arrecadações e despesas das campanhas.  Apenas cinco candidatos constavam como prestados no sistema divulgacand do que arrecadaram e o que gastaram durante a campanha eleitoral.

De acordo com o sistema da Justiça Eleitoral, o prefeito eleito arrecadou 715.000,00 oriundos dos fundos partidários e doações de pessoas físicas e gastou, conforme o TSE, 515.324  reais. Daniel Vieira, arrecadou 53.500 e gastou 54.419 mil; Manoel Garimpeiro, arrecadou 300,00 reais e teve uma despesa de 2.400, reais. Mariana Carvalho, do PSC, arrecadou 148 mil reais e gastou 51.591,77, sendo que cem mil foi do fundo partidário. O comunista Sandro Ricardo informou que o partido doou 3.595,64 e não informou as despesas.

Ildon Marques, Madeira, Marco Aurélio e Daniel Fiim não constavam no sistema até ontem, o que deverão  fazê-lo ainda esta semana ,afim de cumprir os prazos legais da legislação eleitoral. Lembrando também que Daniel Vieira e Sandro Ricardo não tiveram direito a receber cotas do fundo partidário, pois seus partidos não possuem representatividade no Congresso.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Loading...