MENU

OPROGRESSONET Publicidade 728x90
06/12/2022 às 17h07min - Atualizada em 06/12/2022 às 17h07min

Obra de padronização das calçadas da Avenida Getúlio Vargas chega na fase de conclusão da primeira etapa

Vistoria realizada pelo secretário Fábio Hernandez constatou avanço na execução dos serviços

Gil Carvalho
Ascom
Secretário Fábio Hernandez vistoria execução da obra de adequação e padronização das calçadas da Avenida Getúlio Vargas - Foto: Wescley da Silva
 
A primeira etapa da obra de padronização das calçadas da Avenida Getúlio Vargas, no trecho das ruas Sousa Lima e Amazonas, no Centro, está em ritmo acelerado, com equipes trabalhando nos turnos diurno e noturno para cumprir, o mais breve possível, o cronograma da primeira fase da adequação das calçadas. Medida proporcionará acessibilidade, inclusão e mobilidade para pedestres, cadeirantes, pessoas com deficiência, idosos e crianças no setor comercial de Imperatriz.

O engenheiro civil Franklim Lima, da Secretaria Municipal de Infraestrutura e Serviços Públicos (Sinfra), explicou que “faltam aproximadamente dez metros de extensão, de cada lado das calçadas, para conclusão do piso, sarjetas e acabamento de padronização e adequação das calçadas da Avenida Getúlio Vargas. Esses é um dos grandes e históricos projetos de mobilidade urbana de calçadas em Imperatriz”, reitera.

Ele observou que a “obra está sendo executada a céu aberto, fato que, a chuva intensa tem prejudicado bastante o cronograma de execução, mas que, apesar da situação, as equipes continuam trabalhando nos serviços de adequação previstos para conclusão até o próximo final de semana”.

O secretário de Infraestrutura, Fábio Hernandez, acompanhado do secretário adjunto, Cirineu Filho, vistoriou na manhã desta terça-feira (06) o andamento da obra de padronização das calçadas da Avenida Getúlio Vargas. “A meta do projeto é estendê-lo, inicialmente, até a Avenida Ceará e, posteriormente, até chegar na marginal da BR-010, no Entroncamento”, assegura.

“Essa é uma obra de engenharia de mobilidade, isto é, mais acessibilidade, segurança, mais conforto aos usuários, além da estética das calçadas, gerando uma maior economia para os comerciantes da Avenida Getúlio Vargas, fazendo com que Imperatriz esteja na lista das cidades inteligentes”, destacou o secretário adjunto Cirineu Filho. 

Ressalta-se ainda que a conhecida “Lei das Calçadas” (Lei n.º 1.642/2016), “estabelece que as calçadas deverão ser contínuas, sem mudança de níveis ou inclinações que dificultem o trânsito seguro de pedestres, observados os níveis imediatos dos passeios vizinhos já executados, conforme a lei. Degraus e rampas serão permitidos quando a declividade do logradouro o exigir, observando as disposições da legislação vigente aprovada pelo Município”.

Notícias Relacionadas »
Comentários »
OPROGRESSONET Publicidade 1200x90