MENU

23/11/2022 às 17h50min - Atualizada em 23/11/2022 às 17h50min

SEERT reúne entidades filantrópicas e ACII

O órgão estadual busca parceria com a entidade para o programa Maranhão Solidário

Domingos Cezar
SEERT e ACII articulam divulgação do programa Maranhão Solidário - Foto: Diego Porto
O titular da Secretaria de Estado Extraordinária da Região Tocantina – SEERT, Paulo Sérgio Macedo, reuniu no início da noite de terça-feira (22), na sala da presidência da Associação Comercial e Industrial de Imperatriz – ACII, representantes de entidades filantrópicas que são beneficiadas pelo programa Maranhão Solidário.

Do encontro participaram o presidente da entidade empresarial, João Lira e alguns diretores ligados ao setor social da ACII. Ao receber os participantes, João Lira se mostrou receptivo observando que, “não existe mercado consumidor sem as pessoas, independente da classe social a que ela pertença”.

O secretário Paulo Sérgio agradeceu a recepção dos anfitriões e apresentou algumas das 15 entidades de Imperatriz beneficiadas pelo programa Maranhão Solidário. Marcaram presenças representantes da AMPARE, CENAPA e SHEKNAG, casa de apoio a pacientes e acompanhantes com abrigo e alimentação.

Paulo Sérgio fez um resumo da atuação do programa lembrando que ele foi criado pelo ex-governador Flávio Dino, sendo idealizado pelo Pastor Porto, quando este era secretário e Estado de Relações Institucionais. “A renúncia fiscal a esta época era de apenas 2%, mas hoje chegou a 15%, atendendo 120 instituições cadastradas em todo o Maranhão”.

O secretário fez questão de frisar que, “o nosso maior parceiro é o Grupo Mateus, cuja empresa ao lado de outras dezenas nos ajudaram a manter em pé as entidades cadastradas, mesmo no período da pandemia”, disse Paulo Sérgio, acrescentando que se não fosse essas parcerias a maioria dessas entidades teria fechado suas portas.

Ele lembrou a importância da existência dessas entidades sociais que há vem desenvolvendo um trabalho em prol dos doentes e desassistidos; na reabilitação dos dependentes químicos, das crianças e dos idosos que são assistidos por estas entidades filantrópicas que precisam de ajuda para mantê-las.

Paulo Sérgio pediu uma maior participação das empresas de Imperatriz a adotarem o cupom fiscal e colocarem mais urnas onde eles são depositados pelos seus clientes. O presidente João Lira sugeriu formatar uma parceria entre a SEERT e ACII visando divulgar o programa Maranhão Solidário entre as empresas associadas à entidade. A sugestão foi acatada por todos os presentes.

Notícias Relacionadas »
Comentários »