MENU

01/11/2022 às 09h46min - Atualizada em 07/11/2022 às 00h06min

Combate às emissões de carbono na agricultura é tema da UPL no Zero Summit, no PR

SALA DA NOTÍCIA Viviane Righetti Passerini

A proposta de reimaginar a sustentabilidade da UPL, uma das cinco maiores empresas de soluções agrícolas do mundo, exige a adoção de medidas para minimizar a emissão e maximizar o sequestro de dióxido de carbono (CO2) da atmosfera. Esse tema tão importante para o futuro do planeta está na pauta de painel da Zero Summit, a primeira conferência latino-americana focada exclusivamente em tecnologias e ideias para um futuro zero carbono. 

O evento acontecerá nos dias 3 e 4 de novembro, no Mabu Thermas Grand Resort, em Foz do Iguaçu (PR), com transmissão ao vivo pela internet. O painel sobre agronegócio será realizado no primeiro dia de evento, às 9h30. Mediado por Carlos Pellicer, co-fundador do Zero Summit, o debate terá participação de Rogério Melo, gerente de carbono e Food Value Chain da UPL Brasil, e de outras cinco personalidades do agronegócio. 

"Estamos empenhados em cultivar um futuro com menos CO2 na atmosfera. Nossa prática comprova isso. De forma global, nos últimos 5 anos, a UPL reduziu suas emissões de carbono em 26%. Até 2025, reduziremos mais 25%. Além disso, fomos a primeira empresa de nosso setor a se tornar signatária do Climate Pledge, nos comprometendo a zerar nossas emissões líquidas de carbono até 2040, 10 anos antes do previsto pelo Acordo de Paris", destaca Melo. 

A UPL também é inovadora na criação de projetos que auxiliam a redução dos impactos do carbono e intensifica investimentos em práticas agrícolas sustentáveis, com o desenvolvimento do projeto Gigaton Carbon Goal, que objetiva reduzir a emissão para atmosfera de 1 gigatonelada de CO2 até 2040. Em sua primeira fase (2021 a 2024), a iniciativa envolve Brasil, Argentina, Índia, Estados Unidos e alguns países europeus. 

"Neste projeto, inicialmente atuamos na mitigação do problema, disseminando boas práticas de sustentabilidade, da agricultura regenerativa e a aceleração da adoção de biossoluções; medidas que ajudam a reduzir a emissão de gases do efeito estufa. Essas práticas estabelecem ganhos adicionais aos produtores, como racionalização dos custos, melhor rentabilidade e maior qualidade dos produtos agrícolas", explica o gerente da UPL Brasil. 

"O plano é avançar para a adoção de práticas cientificamente comprovadas para redução de emissões e sequestro de CO2 da atmosfera e, depois, para a criação de créditos de carbono, cuja metodologia está sendo desenvolvida por meio de estudos de pesquisadores de diversas nações e de várias instituições. Durante a fase de expansão global, a partir de 2025, o plano é impactar área equivalente a 100 milhões de campos de futebol profissional", diz Rogério Melo. 

Além de Melo e de Carlos Pellicer, o painel sobre agronegócio contará com a presença de Roberto Marcon, CEO da Orígeo, joint venture criada por UPL e Bunge; Aurélio Pavinato, presidente da SLC Agrícola; Marcelo Traldi, vice-presidente da Fendt e Valtra para a América do Sul; e Carla Rufino, diretora da Empresa Brasileira de Pesquisas Agropecuárias (Embrapa) Soja. As inscrições para o evento podem ser realizadas no site www.zerosummit.com

Sobre a UPL     

A UPL Ltd. (NSE: UPL & BSE: 512070, LSE: UPLL) é uma fornecedora global de produtos e soluções agrícolas sustentáveis, com receita anual superior a US$ 6 bilhões. Somos uma empresa com propósito. Por meio do OpenAg®, a UPL está focada em acelerar o progresso do sistema alimentar. Estamos construindo uma rede que está reimaginando a sustentabilidade, redefinindo a maneira como uma indústria inteira pensa e trabalha – aberta a novas ideias, inovação e novas respostas enquanto nos esforçamos para cumprir nossa missão de tornar cada produto alimentício mais sustentável. Como uma das maiores empresas de soluções agrícolas do mundo, nosso robusto portfólio consiste em soluções biológicas e tradicionais de proteção de cultivos com mais de 14.000 registros. Estamos presentes em mais de 130 países, representados por mais de 10.000 colaboradores em todo o mundo. Para obter mais informações sobre nosso portfólio integrado de soluções em toda a cadeia de valor alimentar, incluindo sementes, pós-colheita, bem como serviços físicos e digitais, visite upl-ltd.com e siga-nos no LinkedIn, Instagram e Facebook


Notícias Relacionadas »
Comentários »