MENU

OPROGRESSONET Publicidade 1200x90
OPROGRESSONET Publicidade 728x90
26/10/2022 às 22h28min - Atualizada em 26/10/2022 às 22h28min

Justiça do Trabalho bloqueia atividades do Imperatriz

Causa trabalhista em nome de um ex-jogador de nome Marquinhos, que passou pelo Cavalo de Aço em 2016, foi a responsável pela punição da justiça

Dema de Oliveira
Gestão do presidente Wagnner Ayres não tem nenhuma causa trabalhista - Foto: Assessoria SID
 
A Justiça do Trabalho, por meio de uma magistrada, bloqueou as atividades da Sociedade Imperatriz de Desportos (SID), em função de problemas trabalhistas. O jogador desse caso é um volante de nome Marquinhos, que passou pelo Cavalo de Aço em 2016, na ocasião da gestão do ex-presidente e ex-prefeito de São Francisco do Brejão, Alexandre Santos. O valor da causa é de pouco mais de R$ 51 mil.

Por esse motivo, o Imperatriz não pode realizar transferências, contratações de jogadores e rescisão de contrato com jogadores. Esse vínculo só vai cessar depois que esse valor for pagado.

A diretoria do Imperatriz já acionou o seu Departamento Jurídico, cujo advogado está trabalhando nos bastidores para que o Imperatriz possa pagar a dívida e ficar liberado desse embargo.

A maioria das causas trabalhistas do Imperatriz, são da gestão do ex-presidente Alexandre Santos, conforme levantamentos feitos. Entretanto, o Imperatriz jamais tinha tido atividades bloqueadas pela Confederação Brasileira de Futebol (CBF), por conta de contas trabalhistas. Mas algumas já transitado em julgado, a magistrada definiu por bem, bloquear as atividades do clube.

Levantamentos feitos acerca de dois anos atrás, o Imperatriz tinha cerca de R$ 4 milhões maioria s de causas trabalhistas. O presidente Adauto Carvalho chegou a negociar algumas, como também o atual presidente Wagnner Ayres, mas ainda existem um valor muito grande. Vale lembrar que desde iniciou a gestão do atual presidente, não foram detectadas mais nenhuma causa trabalhista no Imperatriz. Todas que têm são de gestões passadas.

No que se refere ao time Sub-19, que vai disputar a Copa São Paulo Júnior de 2023, já está com todos os jogadores devidamente inscritos e regularizados. Segundo informações, são e de 40 jogadores.

Notícias Relacionadas »
Comentários »
OPROGRESSONET Publicidade 1200x90