MENU

OPROGRESSONET Publicidade 728x90
19/10/2022 às 18h41min - Atualizada em 19/10/2022 às 18h41min

Suzano é eleita a melhor empresa do setor de Papel e Celulose no TOP 100 Open Corps

Pela segunda vez consecutiva, companhia é destaque no ranking promovido pela 100 Open Startups

Planin – Assessoria de Imprensa da Suzano
Foto: Divulgação
 
A  Suzano, referência global na fabricação de bioprodutos desenvolvidos a partir do cultivo de eucalipto, foi reconhecida como a melhor empresa do setor de Papel e Celulose no ranking TOP 100 Open Corps 2022, promovido pela 100 Open Startups. A companhia ocupou a primeira colocação na categoria pela segunda vez consecutiva, além de estar em segundo lugar no levantamento geral, subindo oito posições em relação ao ranking de 2021. O levantamento analisa as empresas mais engajadas no ecossistema de Inovação Aberta.

Promovido anualmente pela 100 Open Startups, o ranking é formado com base nos relacionamentos de open innovation (inovação aberta). A partir de validações e auditorias, a metodologia pontua as empresas que mais estabelecem relações de negócio com startups. Para compor a pontuação, são consideradas a quantidade e a intensidade dos relacionamentos declarados entre corporação e startup.

A pontuação pode ir de 1 a 20 pontos, ordenados em 16 categorias, que são divididas em quatro grandes grupos: posicionamento, plataforma e parcerias, desenvolvimento de fornecedores, e investimento. Ao todo, o ranking avaliou 25 setores do mercado, premiando os TOP 5 de cada um.

A inovação aberta é um pilar estratégico para a Suzano. Em 2022, mais de 70 projetos foram conduzidos, representando parcerias com startups em seus diversos níveis, desde relações comerciais, até acelerações e mentorias. Essas parcerias alavancam temas importantes, como sustentabilidade, desburocratização e implementação de tecnologias que trazem maior eficiência produtiva e competitividade.

“Esse reconhecimento chega em um momento especial do nosso negócio, já que recentemente lançamos a Suzano Ventures, Corporate Venture Capital da empresa, que terá US$ 70 milhões em recursos disponíveis para serem investidos em startups, em especial aquelas que desenvolvem soluções de bioeconomia para a floresta plantada. Além disso, este ano a Suzano se uniu ao Cubo Itaú, sendo a sua nova parceira do hub agro. Com essas iniciativas, teremos oportunidade de expandir ainda mais o nosso relacionamento com o ecossistema de inovação”, enfatiza Jefferson Ticianelli, Gerente Executivo Digital da Suzano.

Criada em 2016, a 100 Open Startups é uma plataforma de colaboração que utiliza efeitos de rede para engajar de maneira eficiente startups, grandes empresas, executivos, cientistas e governos, alavancando oportunidades de negócio que geram impacto para os desafios reais da sociedade e do mercado. Na edição de 2022 foram declarados ao todo 42.588 relacionamentos entre corporações e startups para o ranking.
 
Sobre a Suzano
A Suzano é referência global no desenvolvimento de soluções sustentáveis e inovadoras, de origem renovável, e tem como propósito renovar a vida a partir da árvore. Maior fabricante de celulose de eucalipto do mundo e uma das maiores produtoras de papéis da América Latina, atende mais de 2 bilhões de pessoas a partir de 11 fábricas em operação no Brasil, além da joint operation Veracel. Com 98 anos de história e uma capacidade instalada de 10,9 milhões de toneladas de celulose de mercado e 1,4 milhão de toneladas de papéis por ano, exporta para mais de 100 países. Tem sua atuação pautada na Inovabilidade – Inovação a serviço da Sustentabilidade – e nos mais elevados níveis de práticas socioambientais e de Governança Corporativa, com ações negociadas nas bolsas do Brasil e dos Estados Unidos. Para mais informações, acesse: www.suzano.com.br. 

Notícias Relacionadas »
Comentários »
OPROGRESSONET Publicidade 1200x90