MENU

OPROGRESSONET Publicidade 728x90
13/10/2022 às 10h59min - Atualizada em 16/10/2022 às 00h00min

A tecnologia que transforma resíduos orgânicos em biogás e em biofertilizante será apresentada na 17ª Kerbfest de São Vendelino/RS

Os biodigestores Homebiogas são equipamentos patenteados, que têm como objetivo acelerar o processo de decomposição de resíduos orgânicos alimentares e esterco animal de forma limpa e sustentável

SALA DA NOTÍCIA Yara Lucia Provatti de Lima
www.homebiogas.com.br
O Município de São Vendelino, localiza-se no extremo sul do Brasil (RS), conta com uma população estimada de 2.160 pessoas, em sua maioria imigrantes alemães. Conhecido como "O Pequeno Paraíso" em função de suas belezas naturais e aconchego de sua população, o município apresenta um Índice de Desenvolvimento Humano Municipal (IDH-M) de 0,754, motivado principalmente pelo avanço na Educação, renda per capita e longevidade de sua população.

É nesse cenário que será realizada, entre os os dias 14 e 23 de outubro, a 17 a. Kerbfest, tradicional evento de reunião para os imigrantes alemães. Além do desfile temático de abertura, do baile gauchesco, das apresentações tradicionais, do chopp e da culinária local, o evento deste ano, também contará com a exibição da tecnologia de biodigestores HomeBiogas.

Angelita Luizetto Walter, a Angelita Semeadora, criadora do portal Verdes Hábitos, marcará presença na Kerbfest 2022 com a carreta móvel que carrega o biodigestor em funcionamento. Dessa forma, os visitantes poderão presenciar o fenômeno da biodigestão que transforma resíduos sólidos orgânicos (fezes animais, restos de comida, cascas de legumes, ovos, entre outros) em biogás para cozinhar e em biofertilizante líquido natural que fortalece a terra para o plantio.

Angelita é parceira comercial da Biomovement Ambiental, empresa que atua baseada nos pilares da tecnologia, da inovação e do desenvolvimento sustentável e que representa com exclusividade a HomeBiogas no Brasil. Segundo ela, o objetivo de marcar presença neste evento tradicional é apresentar essa tecnologia social, presente em mais de 100 países, que traz vantagens para quem atua em propriedades rurais, principalmente para o produtor que cultiva alimentos orgânicos, uma vez que um dos insumos que o processo de biodigestão produz é o biofertilizante líquido natural, rico em matéria orgânica e ótimo para o fortalecimento do solo.

Esse biofertilizante natural nutre e melhora as características do solo, possibilitando que as plantas façam uma rápida absorção, por conter macro e micronutrientes, além de elevado teor de matéria orgânica e microrganismos em sua composição. Essa composição pode, inclusive, ser adequada para atender a cada tipo específico de cultura, a partir do tipo de resíduo orgânico que cada um coloca em seu biodigestor – variação de quantidades e tipos de estercos, resíduos, sais solúveis ou bactérias.

Isso sem falar no biogás para cozinhar, outro subproduto da biodigestão e uma energia renovável. Além do uso para a cozinha, o biogás também pode ser usado para beneficiar uma produção local, como ser utilizado para fazer doces ou geleias de uma determinada fruta produzida localmente, por exemplo. “O resultado é uma produção limpa, benéfica ao meio ambiente, com maior economia e com melhor resultado no produto final”, conta Angelita.

Para Leandro Toledano, CEO da Biomovement Ambiental, poder apresentar produtos e soluções capazes de beneficiar as pessoas, a produção e o meio ambiente ao mesmo tempo é a missão da empresa. “Contamos com o trabalho de nossos parceiros comerciais para irmos cada vez mais longe, fazendo parte do crescimento sustentável do agronegócio brasileiro e participar de festas tradicionais que resgatam a cultura, a memória e resgatam as histórias dos imigrantes que construíram esse país é algo que vale sempre a pena contribuir e divulgar”, completa Toledano.

Para saber mais sobre a tecnologia Homebiogas, acesse www.homebiogas.com.br
 
Notícias Relacionadas »
Comentários »
OPROGRESSONET Publicidade 1200x90