MENU

OPROGRESSONET Publicidade 728x90
11/10/2022 às 18h16min - Atualizada em 13/10/2022 às 00h00min

A tecnologia do agro indo além dos limites da porteira

Tarken conecta produtores e distribuidores de insumos, proporcionando maior rapidez e confiança no acesso ao crédito rural e transação de grãos

SALA DA NOTÍCIA Silva

O agronegócio no Brasil é muito mais do que orgulho nacional, é um pilar essencial para a manutenção do PIB do país, força motriz capaz de permanecer em crescimento mesmo com um cenário desfavorável, sustentando a responsabilidade de abastecer a mesa do brasileiro e de grande parte da população mundial. A produtividade do setor nos coloca como referência global, e tal feito é impulsionado pelas tecnologias que se consolidam porteira à dentro, consideradas ferramentas indispensáveis para aumentar a eficiência produtiva da lavoura. 

Pesquisa e inovação, alinhados com as mudanças de consumo e comportamento da sociedade, ditam os passos do agronegócio, especialmente na agricultura, onde os ciclos são mais curtos e a implementação de novas tecnologias tem seu efeito percebido de maneira mais rápida pelo produtor. É fácil entrar uma propriedade agrícola que usufrua da internet das coisas, big datacloud computing e inteligência artificial para dar suporte nas tomadas de decisão que impactam os resultados da safra ou da safrinha.

Mas e da porteira para fora? 

Embora a tecnologia já tenha conquistado o seu espaço dentro da fazenda, é à um passo da porteira que os desafios se fazem mais presentes. A falta de liquidez nas commodities, como milho e soja, é um dos pontos que evidenciam como esta parte do agronegócio ainda tem muito a progredir. 

“Toda a evolução que aconteceu e acontece da porteira pra dentro, na produção dos grãos, não reflete do lado de fora. O produtor se depara com grandes dificuldades na comercialização dos grãos no preço certo e nas condições certas, além dos percalços na logística e complicações no planejamento do custeio da safra seguinte”, explica Luiz Tângari, co-fundador e CEO da Tarken.

A modernização desta área, em específico, segue em um ritmo inferior e ainda muito analógico. A pouca eficiência em processos tão relevantes atrasam o potencial competitivo, lucrativo e crescente do agronegócio.

“A assimetria de informações na parte financeira que envolve o agronegócio é um grande empecilho no escoamento da produção nacional. E nessa parte nós podemos destacar desde a relação do produtor com o crédito bancário, que é importante para o planejamento das próximas safras, até as próprias negociações locais nas revendas. É comum observar negociações longas e burocráticas, que também cansam”, comenta.

Para melhorar esta relação e trazer mais agilidade e transparência nas transações financeiras, a Tarken conecta todos os elos da cadeia produtiva com tecnologia de ponta e alta capacidade de processamento de dados públicos e exclusivos, trazendo informações importantes para a tomada de decisão dos produtores, compradores e empresas de insumos. 

Através de inteligência artificial da Tarken, os distribuidores de insumo tem mais confiança e rapidez na análise de risco de suas carteiras. Além do suporte e análise completa, ainda é possível fazer a conexão digital com os produtores, que passam a ter visibilidade sobre as suas informações. Com dados mais assertivos, fica fácil atrair parceiros financeiros com taxas justas e adequadas a cada perfil de produtor. 

Já no momento da negociação da safra, os produtores e os compradores contam com informações de inteligência de mercado, fomentada por milhares de parceiros conectados em todo o Brasil, promovendo dinamismo e transparência nos preços diários dos grãos físicos, da logística e as taxas nas principais cidades do agronegócio.

 “A tecnologia porteira à fora tem muito espaço para crescer. Com inteligência artificial e análise de dados nós estamos transformando a experiência de produtores e distribuidores de insumos Nossa intenção é trazer a conexão digital que falta entre estas partes para dar mais agilidade e segurança no acesso ao crédito do agro”, Luiz finaliza.

Entusiastas da modernização dentro da fazenda, este é o momento do produtor olhar para as novas ferramentas que facilitam os trâmites da porteira para fora. Afinal, já é fácil perceber que a evolução tecnológica é parceira de uma agricultura ágil, competitiva e mais produtiva.  

Gerando conexão no campo

Atuando da porteira para fora, de ponta a ponta, a Tarken oferece para a cadeia produtiva agrícola uma gama de soluções que tem como propósito trazer mais agilidade e segurança. Entre elas:

  • Fluxo de crédito 
    • Fluxo de negócios para integrar indústria, revendas, produtores e instituições financeiras
  • Análise de risco
    • Eficiência operacional, risco climático, capacidade histórica de geração de caixa para revendas e indústria
  • Inteligência de mercado
    • Preços diários de grão físico, transporte, taxas e insumos nas principais cidades do agronegócio
  • Trading de grãos 
    • Milhares de produtores e compradores conectados em todo o Brasil 

 


Notícias Relacionadas »
Comentários »
OPROGRESSONET Publicidade 1200x90