MENU

OPROGRESSONET Publicidade 1200x90
OPROGRESSONET Publicidade 728x90
03/10/2022 às 23h09min - Atualizada em 03/10/2022 às 23h09min

Reeleito, Wanderlei Barbosa entra para a história com a maior votação do Tocantins

“Essa votação só aumenta a minha responsabilidade em não errar e fazer o melhor Governo da história do Estado. Não vamos decepcionar o povo tocantinense”

Assessoria
Wanderlei Barbosa Castro, 58 anos - Foto: Governo do Tocantins / Antonio Gonçalves
 
Wanderlei Barbosa (Republicanos) marcou o seu nome na história da política tocantinense ao ser reeleito neste domingo, 2 de outubro, com a maior votação que um governador já teve no estado, alcançando 481.496 votos (58,14%), conforme resultado final divulgado pela Tribunal Superior Eleitoral (TSE). O ex-prefeito de Araguaína, Ronaldo Dimas (PL), ficou em segundo lugar na apuração com 22,50% dos votos, seguido por Paulo Mourão (PT), com 10,64%, e Irajá (PSD), com 7,61%. O novo vice-governador é Laurez Moreira (PDT), ex-prefeito de Gurupi.

Conforme Wanderlei, sua reeleição simboliza a consolidação de um novo tempo na política do Tocantins. Com um perfil curraleiro, humano e municipalista, o governador se consagra como um líder que conseguiu garantir a estabilidade do governo, mesmo em um cenário político, administrativo e econômico muito difícil.

Ao receber o resultado das urnas, Wanderlei comemorou e agradeceu a vitória histórica que teve nesta eleição. “Essa votação que a população confiou a mim neste domingo, só aumenta a minha responsabilidade em não errar e fazer o melhor Governo da história do Estado. Não vamos decepcionar o povo tocantinense. Daremos seguimento a uma gestão que já possui quase 90% de aprovação popular”, garantiu.

Dorinha no Senado
O governador Wanderlei também comemorou a eleição da sua candidata ao Senado, Professora Dorinha Seabra (UB), que obteve 395.408 votos (50,42%), outra votação histórica, bem como dos parlamentares que vão integrar a Assembleia Legislativa do Tocantins (Aleto) e a Câmara dos Deputados em Brasília (DF).

“Estou muito feliz que os tocantinenses elegeram uma professora como a nova senadora do Tocantins. Tenho certeza que a Dorinha vai me ajudar muito nesta nova gestão. Também quero parabenizar a todos os deputados e deputadas que conseguiram se eleger ou reeleger nesta eleição. Junto com vocês vamos construir um Tocantins mais forte e unido”, assegurou.

Respeito aos adversários
Em ato de respeito aos seus adversários na campanha, o Governador Wanderlei destacou que, apesar de ter sofrido ataques baixos e injustos durante todo o processo eleitoral, vai fazer um governo de união e garantiu que as divergências políticas ficarão no passado.

“A democracia pressupõe que todos que queiram possam colocar o seu nome à disposição do eleitor como candidato e participar do debate político. Para mim, a eleição terminou neste dia 2 de outubro. A partir de agora, precisamos que todos nós caminhemos com o mesmo objetivo de cuidar do nosso Tocantins e da nossa gente”, concluiu.

Ex-vereador
É a primeira vez que um ex-vereador chega ao cargo de governador do Estado.

Wanderlei Barbosa Castro, 58 anos, é natural de Porto Nacional (TO), onde se elegeu vereador em 1989. Em 1996, foi eleito vereador de Palmas, capital do Tocantins, sendo reeleito em 2010. Foi presidente da Câmara Municipal de Palmas nos biênios de 2003-2004 e de 2009- 2010.

Também foi subprefeito de Taquaruçu na época de sua emancipação. Em 2010, conquistou seu primeiro mandato de deputado estadual, sendo reeleito em 2014.

Em 2018, foi eleito vice-governador do Tocantins na chapa liderada por Mauro Carlesse, que renunciou. Em razão disso, Wanderlei assumiu o cargo de governador em março de 2022. Este ano, ele declarou ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) que possui R$ 2.200.646,94 em bens.

Notícias Relacionadas »
Comentários »
OPROGRESSONET Publicidade 1200x90