MENU

21/09/2022 às 19h57min - Atualizada em 21/09/2022 às 19h57min

Preso suspeito de assassinar indígena Guajajara em Amarante do Maranhão

Janildo Oliveira Guajajara, que já foi Guardião da Floresta, foi morto com tiros nas costas quando voltava de uma festa

Assessoria/PC-MA
Índio Jornildo Oliveira Guajajara foi assassinado no início desse mês - Foto: Divulgação
 
O suspeito de assassinar o indígena Janildo Oliveira Guajajara foi preso na manhã desta quarta-feira (21), em Amarante do Maranhão, a 115 km de. O indígena, que já foi Guardião da Floresta, foi morto com tiros nas costas quando voltava de uma festa no dia 3 de setembro.

O delegado de Amarante, Gabriel Andrade, informou ao que a Polícia Civil também cumpriu um mandado de busca e apreensão na residência do suspeito. No local, os policiais encontraram uma espingarda, que ainda passará por perícia.

Gabriel Andrade disse, ainda, que o crime pode ter sido motivado por furtos que ocorreram na chácara do suspeito. “O suspeito já tinha tido uma discussão com os indígenas sobre furtos que ocorreram na sua chácara. O crime pode ter sido cometido por conta disso”, explicou o delegado.

Esse foi o terceiro acusado de envolvimento na morte de indígenas na região da Amarante do Maranhão. Na última semana, dois homens foram presos, acusados da morte do indígena Antonio Cafeteiro Silva Guajajara, ocorrida na semana passada. O indígena foi morto depois de uma briga de bar.

Pelo que foi investigado até agora, nenhum madeireiro tem envolvimento com pelo menos esses assassinatos de indígenas, como foi especulado inicialmente. Também pelas investigações, não foram crimes por problemas agrários.

Notícias Relacionadas »
Comentários »