MENU

14/09/2022 às 19h22min - Atualizada em 14/09/2022 às 19h22min

Adolescente acusado de tentativa de homicídio contra Cabo da PM do 3º BPM é apreendido

Cabo Chagas, que levou golpes de pau na cabeça, está convalescendo no Hospital do Servidor, em São Luís

Dema de Oliveira
Policiais Civis e Militares que foram na missão da apreensão do menor em Buriti do TO - Foto: Divulgação
 
O adolescente que tentou matar o Cabo Chagas, lotado no 3º Batalhão de Polícia Militar do Maranhão, localizado em Imperatriz, foi apreendido nesta quarta-feira (14). O menor foi localizado na cidade de Buriti do Tocantins, a 105 km de Imperatriz.

A ação que acabou na apreensão do adolescente de 17 anos, de iniciais W. A.S., teve a participação de policiais da 9ª Delegacia Regional de Polícia Civil, com sede em Açailândia, policiais do 26º BPM e policiais militares do Tocantins. 

Após ser apresentado e ouvido na 9ª Delegacia Regional, o menor foi trazido para a unidade da Funac em Imperatriz, onde vai responder por ato infracional correlato a homicídio tentado. 

O caso aconteceu no dia 14 de agosto, no município de Vila Nova dos Martírios, onde o Cabo Chagas costuma passar suas folgas. Ele foi separar uma briga que rolava em uma praia do rio Tocantins em Vila Nova dos Martírios, ocasião que aconteceu o crime. 

O estado de saúde do Cabo Chagas é estável, depois de ter sido submetido a intervenção cirúrgica no hospital do Servidor, na capital maranhense. Ele recebeu pancadas na cabeça. 

Segundo a Polícia Civil, outros adolescentes que teriam participado da briga generalizada e que também teriam espancado o policial, estão sendo investigados para saber a participação de cada um deles na tentativa de homicídio contra o Cabo Chagas.

Notícias Relacionadas »
Comentários »