MENU

13/09/2022 às 17h50min - Atualizada em 13/09/2022 às 17h50min

Depois de atender a comunidade do bairro da Liberdade, o SESI Itinerante chega a Itapecuru-Mirim

No último final de semana foram realizados 1.030 atendimentos nas áreas de saúde e lazer no bairro da Liberdade

Imprensa/Sistema FIEMA
Fotos: Divulgação
 
SÃO LUÍS – Mais de 500 pessoas foram atendidas no bairro da Liberdade no último final de semana com as ações do SESI Itinerante. Foram mais de mil atendimentos em serviços de saúde, lazer, alimentação saudável e orientação jurídica gratuita. De hoje a 15/09, a caravana do SESI estará no município de Itapecuru-Mirim, das 8h às 17h, na praça Gomes de Sousa, em frente ao SESI Indústria do Conhecimento.  

O SESI Itinerante foi criado com a perspectiva de contribuir com as comunidades, especialmente na prestação de serviços médicos. O objetivo é facilitar o acesso das pessoas a serviços de saúde, já que existe uma parcela significativa da população sem acesso a consultas e exames ou ainda que precisa esperar muito tempo por atendimento na rede pública. Nas visitas aos bairros, comunidades e povoados de São Luís e do interior do Maranhão as pessoas são atendidas por profissionais capacitados e em unidades móveis.  

Entre os serviços de saúde foram ofertados no bairro da Liberdade exames oftalmológicos, odontológicos, consultas médicas para adultos e crianças, aferição de pressão, teste de glicemia e vacinação contra a covid-19. Quem compareceu no sábado e domingo ainda teve acesso a ações voltadas para cultura e lazer; orientações sobre alimentação saudável e nutritiva, além de orientação jurídica gratuita.  

Em 2019, o Território Liberdade Quilombola foi reconhecido pela Fundação Cultural Palmares como o primeiro quilombo urbano do Brasil. O território é formado pelos bairros da Liberdade, Camboa, Fé em Deus, Diamante e Sítio do Meio. São mais de 160 mil moradores descendentes de pessoas escravizadas. Muitos deles vieram da Baixada Maranhense para a capital São Luís.  

 Apesar dos avanços obtidos nos últimos anos em relação às políticas públicas, a comunidade ainda carece de serviços essenciais. Um dos parceiros do SESI Itinerante no bairro foi o Centro de Integração Sociocultural Aprendiz do Futuro (CISAF). Maykon Lopes, ativista de direitos humanos e presidente do CISAF, disse que a ideia é que periodicamente os serviços de saúde cheguem de forma direta às comunidades que formam o território.  “O meu sentimento é de gratidão pela parceria que possibilitou o acesso da população a esses serviços’, destacou.  

Dona Maria Lúcia, de 91 anos, é uma dessas pessoas que fazem parte da história do bairro da Liberdade. Ela e a filha aproveitaram para fazer consultas ao oftalmologista. “Eu vim do interior morar aqui. Trabalhei a minha vida toda com costura e ainda costuro, mas ando com a vista cansada”, disse ela um pouco antes do exame oftalmológico e com a expectativa de sair com a receita para os óculos de grau que vai usar pela primeira vez.  

A dona Flor de Liz de Oliveira, 50 anos, aproveitou para se consultar e levar os dois netos de 12 e seis anos. “Eu achei os serviços maravilhosos, tudo muito rápido. Eu estava com consulta marcada para o posto de saúde, mas vai demorar para acontecer. Aqui resolvi tudo que precisava”, disse Flor de Liz.  

De 13 a 15/09, a caravana do SESI Itinerante estará no município de Itapecuru-Mirim, das 8h às 17h, na praça Gomes de Sousa, em frente ao SESI Indústria do Conhecimento. Serão ofertados os serviços de oftalmologia, odontologia, consultas médicas, vacinação, exames laboratoriais, massagem, recreação e ações culturais.  

“O SESI já atendeu aproximadamente 3 mil pessoas nas cidades de Humberto de Campos e São Luís, totalizando mais de 6.500 atendimentos. Agora estamos em Itapecuru-Mirim. Ainda estão previstas ações em Rosário, São Simão, São Miguel e Vila Industrial em São Luís,” destacou o superintendente do SESI-MA, Diogo Lima.

Notícias Relacionadas »
Comentários »