MENU

09/09/2022 às 17h36min - Atualizada em 09/09/2022 às 17h36min

Maior rally do mundo movimenta mais de um milhão de reais em Imperatriz

Farmácias, postos de combustíveis, rede hoteleira, restaurantes, bares e artesanato foram alguns dos segmentos impactados positivamente

Kalyne Cunha
Ascom
Fotos: Patrícia Araújo
 
A passagem dos 30 anos do Rally dos Sertões pela cidade, nessa quinta-feira, 8, fez estadia no Parque de Exposição Lourenço Vieira da Silva com a Vila Sertões, preparada com apoio das secretarias da Prefeitura de Imperatriz, fomentando a economia local em torno de 1 milhão de reais.

O secretário de Desenvolvimento Econômico (Sedec), Wilson Filho, fala da preparação e da expectativa do evento, que impactou diretamente segmentos do empreendedorismo local. “Antes da chegada do Rally dos Sertões na cidade, foram realizadas diversas reuniões para tratarmos da estadia no Parque de Exposição, onde foi montada a Vila Sertões. Além da feira Cidadã de Artesanato em parceria com a Assari e empreendedores de segmentos na área da gastronomia em parceria com o Sebrae”.

Sobre a expectativa do evento, o secretário Wilson enfatiza que foram superadas, fomentando a economia local em torno de 1 milhão de reais nos mais variados segmentos como farmácias, rede hoteleira, bares, restaurantes, artesanato, postos de gasolina, dentre outros”.

Sobre a Feira Cidadã de Artesanato realizada na Vila Sertões, a presidente da Associação de Artesãos de Imperatriz (Assari), Simone Fonseca, relata experiência que serve como vitrine para levar a cultura da cidade para outras regiões do Brasil e fora do país, já que o Rally é considerado um evento internacional. “O movimento está bem satisfatório e a gente só tem a agradecer a Prefeitura, por meio da Sedec que abriu as portas para que estivéssemos hoje aqui. Cada vez que frequentamos eventos nesse porte, tanto aqui como em nível nacional, o nome de Imperatriz vai além das fronteiras. Para nós artesões isso é muito importante, pois dá um retorno a curto e longo prazo. É uma porta que se abre para o comércio lá fora”, destaca a artesã.

Dando oportunidade a outros segmentos, barracas padronizadas foram montadas pela Sedec, para que empreendedores informais pudessem comercializar seus produtos. O vendedor de vatapá e acarajé, Baiano Santana do Acarajé do Baiano enfatiza sua participação no evento e avalia como positiva. “Vendemos vatapá, acarajé, bolo, água de coco, água mineral, refrigerante e sucos. A expectativa da nossa participação está sendo ótima. Pensei uma coisa, mas está sendo outra. Estou muito feliz e até o término do evento temos muito o que vender”, declarou.

Sobre a receptividade do Rally dos Sertões em Imperatriz e a expectativa do evento, o diretor de produção do Rally dos Sertões, Fernando Garcia, relata que o trabalho foi iniciado no começo do ano com apresentação do Projeto Cidade Anfitriã. “Começamos esse trabalho em fevereiro quando vim a primeira vez na cidade e fui muito bem recebido. Imperatriz já estava em nosso roteiro há algum tempo e a Prefeitura e o secretariado de governo nos ajudaram bastante para a preparação. A gente traz um projeto chamado de Cidade Anfitriã, onde apresentamos diversas oportunidades, para que o município se aproprie do evento e junto conosco, façam ações que deixam legado na cidade”.

A Vila Sertões, espaço destinado para a parada dos competidores, foi organizado nos padrões pré-estabelecidos, como pontua o diretor de produção. “A preparação com banheiro, auditório para o briefing, artesanato, só temos a agradecer. É muito bom quando chegamos a uma cidade que nos abrace, como Imperatriz abraçou o Rally dos Sertões esse ano”.

Sobre o turismo de negócio, voltado para a gastronomia, a diretora do Sebrae, Márcia Martins, fala um pouco da parceria entre a instituição e a Sedec que culminou no concurso Sabores do Sertão. “Mostra a regionalidade de pratos trabalhados como o miúdo de boi, a galinha caipira, o açaí que continuarão a ser preparados em nossa cidade. Os empresários tiveram resultados positivos e irão permanecer com os pratos desenhados, especificamente, para atender essa ação que é o Rally dos Sertões com o concurso.”

A diretora argumenta que o resultado economicamente para o município é positivo e traz um grande impacto na economia local, contribuindo para alavancar a capacidade de geração de renda e o fortalecimento das empresas que empreendem na capacidade de inovar e se transformam com as boas práticas de desenvolvimento.

Notícias Relacionadas »
Comentários »