MENU

08/09/2022 às 23h25min - Atualizada em 08/09/2022 às 23h25min

Bolsonaro cumpre agenda na região do Bico do Papagaio e faz motociata com Dimas nesta sexta-feira

Os dois farão um ato no Parque de Exposições de Araguatins

Assessoria
Jair Bolsonaro e Ronaldo Dimas - Foto: Divulgação
 
O presidente da República, Jair Bolsonaro (PL), e o candidato a governador do Tocantins Ronaldo Dimas (PL), vão cumprir agenda na região do Tocantins, conhecida como Bico do Papagaio, nesta sexta-feira (09).

Com uma motociata prevista no trajeto, o presidente desembarca em Imperatriz (MA) às 11 horas. De lá, ele segue para Axixá (TO), onde haverá discursos breves. Depois, a comitiva política parte para Araguatins (TO), cidade que receberá um ato dos dois candidatos no Parque de Exposições.

Bolsonaro é candidato à reeleição e vem ao Tocantins dois dias após as comemorações do Bicentenário da Independência do Brasil.

No início da manhã de 7 de setembro, ele assistiu ao desfile militar, na Esplanada dos Ministérios, em Brasília, em homenagem à data. Depois, quando o desfile acabou, discursou em um trio elétrico em uma manifestação organizada por seus apoiadores, na outra faixa da Esplanada.

Ao lado da primeira-dama, Michelle Bolsonaro, do candidato a vice, Braga Netto, e de empresários aliados, Bolsonaro mencionou diretamente o dia da eleição, 2 de outubro. Pediu para seus apoiadores votarem e mudarem a opinião de quem tem preferências diferentes.

“A vontade do povo se fará presente no próximo dia 2 de outubro. Vamos todos votar, vamos convencer aqueles que pensam diferente de nós, vamos convencê-los do que é melhor para o nosso Brasil”, disse o presidente.

Em outro momento de sua fala, Bolsonaro afirmou que o país trava uma luta do “bem contra o mal”. Ele costuma usar essa expressão para se referir ao embate com o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, seu rival na eleição.

“Sabemos que temos pela frente uma luta do bem contra o mal, um mal que perdurou por 14 anos em nosso país, que quase quebrou a nossa pátria e que agora deseja voltar à cena do crime. Não voltarão. O povo está do nosso lado. O povo está do lado do bem. O povo sabe o que quer”, disse.

Notícias Relacionadas »
Comentários »