MENU

30/10/2020 às 00h00min - Atualizada em 30/10/2020 às 00h00min

Governador Flávio Dino fala sobre gestão de pessoas durante encontro nacional

Secap
Governador durante participação no 4º Encontro da Coalizão de Gestão de Pessoas no Setor Público - Foto: Divulgação
Governadores, vice-governadores e demais gestores públicos reuniram no 4º Encontro da Coalizão de Gestão de Pessoas no Setor Público, que este ano debate o tema ‘A experiência dos estados brasileiros com seleção e políticas para lideranças’. O evento virtual, realizado pelas fundações Lemann, Brava, Instituto Humanize e República. Org, prossegue até esta sexta-feira (30). O governador Flávio Dino participou do encontro, tratando das experiências da gestão do Governo do Maranhão em diversas áreas.

Flávio Dino destacou o grande desafio na educação do Maranhão e o uso de mediação tecnológica para atenuar os prejuízos causados pela pandemia do novo coronavírus. O governador citou a distribuição de chips com internet para os estudantes e implantação de uma plataforma com aulas online. “Essa estratégia exige a gestão de pessoas, dos nossos professores, com a administração destas ferramentas. Apesar de ter sido implantado por conta da pandemia, acredito ser algo que veio para ficar”, disse.

Pontuou, ainda, o que chamou de estímulo econômico. Para o governador, deve-se pensar na justiça remuneratória e de conhecimento, e citou ações de valorização dos professores. “Atualmente, quem executa ganha cinco vezes menos que aquele que audita. A reforma administrativa deve enfrentar esse desafio. Aumentamos os salários dos professores em 50%. Pagamos duas vezes e meia o piso nacional e sem ultrapassar a responsabilidade fiscal. E só se faz responsabilidade fiscal cuidando das pessoas”, enfatizou o governador.

Dino também falou sobre a mudança no processo de eleição dos gestores educacionais; e  implantação de sistema de avaliação, que abrange também os municípios. “É outro desafio, pois sem esse instrumento, não conseguiríamos avaliar a educação e avançar nas políticas. Estou bem animado, pois teremos recursos garantidos até o ano de 2030, resultado de ação ganha na justiça. Ou seja, o próximo governador receberá R$ 5 bilhões para investir em educação”, pontuou.

No conjunto de políticas prioritárias desenvolvidas nos últimos dois anos, o governador Flávio Dino reiterou o sistema de avaliação da educação; intensificação da parceria com os municípios, reforçando programas como o Alfabetização na Idade Certa; plano de obras, que inclui investimentos de R$ 16 milhões e mais de mil inaugurações na educação; mediação tecnológica, utilizada na educação e saúde.

A Coalizão é um movimento que trabalha, de forma conjunta, a construção de propostas concretas para gerar novo paradigma na gestão de pessoas no setor público. O foco da iniciativa é ajudar a melhorar a efetividade do Estado e a valorizar os servidores e gestores públicos. O movimento é formado por especialistas, parlamentares, representantes dos governos federal e estaduais, membros de sindicatos, do judiciário, órgãos de controle e organizações do terceiro setor.

No encontro, os principais temas debatidos serão a Gestão do Desempenho e Desenvolvimento e Modelos de Carreiras; Segurança Jurídica e Integridade no Setor Público; Experiência dos Estados Brasileiros com Seleção e Políticas para Lideranças; Juntas por um Melhor Estado, Compromissos para o Futuro. Participaram do evento, entre outras autoridades, os governadores e vice-governadores do Rio Grande do Sul, Pernambuco, Pará, Espírito Santo, Minas Gerais, São Paulo, Ceará e Sergipe.

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Loading...