MENU

23/08/2022 às 17h11min - Atualizada em 25/08/2022 às 00h01min

“O dia de hoje foi só amor”, disse Cristiane Sobral após contato com mais de 1 mil alunos da rede pública

SALA DA NOTÍCIA Verbo Nostro
“Jamais vou esquecer esse dia”, foi com essa fala que a escritora Cristiane Sobral se despediu dos mais de 1 mil alunos de 13 escolas da Rede Municipal e Estadual que participaram do primeiro dia do Combinando Palavras, no Theatro Pedro II, em Ribeirão Preto, nesta segunda-feira (22/8). O projeto faz parte da programação da 21ª edição da FIL - Feira Internacional do Livro que segue até o dia 28 de agosto.

Durante a manhã, grupos de alunos de cada escola participante subiram ao palco e apresentaram uma releitura das obras da atriz, escritora e mestre em teatro pela Universidade de Brasília, Cristiane Sobral, que tem 11 livros publicados. Expressões artísticas e musicais, leituras de poemas e de textos criados pelos próprios alunos foram apresentados à escritora. Ao final, mais de 50 professores também subiram ao palco do teatro e foram aplaudidos de pé pela plateia emocionada. “Tudo isso hoje apresentado aqui são para os professores. Agradeçam sempre à suas mães, avós, bisavós e toda sua ancestralidade que trouxe vocês até aqui para esse dia tão especial e produtivo. Espero que vocês tornem esse país cada vez maior”, disse a autora ao final da apresentação.

Cristiane Sobral contou que, enquanto assistia aos alunos lembrou muito da menina que foi na escola pública, sonhando com a literatura diante de professores que acreditavam nela. “Estar aqui hoje, neste lugar, em contato com a escola pública com tanta força em aprender - e sendo uma mulher negra - que sabe de tudo que as mulheres negras têm enfrentado neste país de hoje, homenageada e aplaudida de pé por um Brasil que tem toda uma contribuição da negritude em suas famílias: foi só amor”. 

Muitos dos estudantes visitaram o Theatro Pedro II pela primeira vez, como foi o caso dos alunos do 9º ano da escola José Lima P. De Freitas, do bairro Vila Virgínia de Ribeirão Preto. “Nossos alunos se identificaram pela questão social e ética. Foi muito oportuno para eles poderem compartilhar obstáculos que vivem rotineiramente, desde questões éticas até as sociais. Sem dúvida nenhuma construiremos novos leitores após esse encontro. E a sensação em estar em um teatro como esse, pela primeira vez, foi incrível”, disse a professora de Língua Portuguesa, Débora Martins.

A aluna Ana Beatriz Neves, que começou a ler após a professora indicar o livro da autora, disse, seguramente, que se tornou uma nova leitora. “Foi incrível conhecer hoje a Cristiane Sobral. Aprendi muitas coisas que vou levar para a vida, como seus poemas - além dela ser uma mulher tão empoderada”.

“Minha figura aqui hoje representou a figura das mães de muitas destes alunos. E ter esse reconhecimento, é para eles uma autorização. É uma representatividade, um passe, uma forma de dizer que existem outras caras e outros corpos na literatura brasileira, que se parecem com eles. Isso autoriza a acessibilidade para os espaços culturais”, concluiu a escritora.

Em sua 5ª edição, o projeto educativo faz parte das atividades da Feira Internacional do Livro de Ribeirão Preto. Nesta edição, os autores selecionados para o Combinando Palavras são Cristiane Sobral, Ryane Leão, Olívio Jekupé, Eliana Alves Cruz, Férrez, Luiza Romão, Daniel Munduruku, Luiz Puntel e Eduardo Spohr. Uma das novidades do projeto é a participação de alunos da Adevirp - Associação dos Deficientes Visuais de Ribeirão Preto.

Desde 2017, em suas quatro edições, o projeto atendeu mais de 30 mil alunos, cerca de 300 professores de 220 escolas de 14 cidades da região de Ribeirão Preto e contou com 29 escritores, que foram lidos e estudados pelos participantes.


A programação completa da 21ª Feira Internacional do Livro de Ribeirão Preto está no site: https://www.fundacaodolivroeleiturarp.com/

Sobre a Feira Internacional do Livro de Ribeirão Preto

A 21ª edição da Feira Internacional do Livro de Ribeirão Preto teve início em 20  de agosto e vai até o próximo domingo (28), com o tema “Do Caburaí ao Chuí: a força da Literatura Brasileira”.  A proposição embasa todas as atividades e debates do evento. 

Neste ano, a FIL oferece uma programação com atividades presenciais e outras em formato on-line, reunindo palestrantes e participantes de diversas localidades.  Todas as atividades são gratuitas e abertas à população. São salões de ideias, conferências, palestras, mesas-redondas, oficinas, shows, espetáculos infantis, performances, contações de histórias, saraus e projetos educacionais, entre outras.

Sobre a Fundação

A Fundação do Livro e Leitura de Ribeirão Preto é uma entidade de direito privado, sem fins lucrativos, responsável pela realização da Feira Internacional do Livro da cidade, hoje considerada a segunda maior feira a céu aberto do país.

Com uma trajetória sólida, projeção nacional e agora internacional, ao longo de seus 20 anos, a entidade ganhou experiência e, atualmente, além da feira, realiza muitos outros projetos ligados ao universo do livro e da leitura, com calendário de atividades durante todo o ano. A Fundação do Livro e Leitura se mantém com o apoio de mantenedores e patrocinadores, com recursos diretos e advindos das leis de incentivo, em especial do Pronac e do ProAc.

Para saber mais sobre a FIL 2022:
Instagram (@fundacaolivrorp)
Facebook (https://www.facebook.com/fundacaolivrorp)
Linkedin (fundacaolivrorp)
Twitter (@FundacaoLivroRP)
YouTube (FeiraDoLivroRibeirao)
Plataforma www.fundacaodolivroeleiturarp.com

Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
OPROGRESSONET Publicidade 1200x90