MENU

09/08/2022 às 19h30min - Atualizada em 09/08/2022 às 19h30min

Casa de idosa é construída com recursos de penas em João Lisboa

Helena Barbosa - TJMA
Ascom/TJMA
Construção tem o apoio da 2ª Vara e da comunidade - Foto: Divulgação
 
O juiz Haderson Rezende Ribeiro visitou a obra de construção de uma casa residencial na cidade de João Lisboa, realizada com recursos obtidos com a prestação de penas pecuniárias e doações de profissionais e servidores que atuam na 2ª Vara da Comarca.


 
A casa, destinada a uma senhora idosa, está sendo construída no bairro Norte Sul, pela Associação “Corrente do Bem” (Rua 1º de maio, Centro - Alcântara), fundada em 2020, sem fins lucrativos, que ajuda pessoas que se encontram em situação de vulnerabilidade socioeconômica, com necessidade de alimentação, saúde e moradia.
 
APOIO DO JUDICIÁRIO
Para construir a casa, a Associação Corrente do Bem enviou ofício ao juiz requerendo a habilitação da entidade para receber recursos repassados por acordos de não persecução penal, em que a parte paga valores ou cumpre serviços na comunidade.
 
No pedido, a presidente Andreia Silva Bezerra informa que lançou um desafio de construir uma casa para a senhora Adalberta de Sousa Alves, idosa de 63 anos, portadora de necessidade especial, tendo em vista que a atual residência dela, de taipa, se encontrava em situação precária.
 
O apoio à entidade contou com a colaboração de juízes, advogados, promotora de Justiça, servidores da Justiça e voluntários da comunidade, que conseguiram arrecadar material de construção, como cimento, tijolos, telhas e serviços de pedreiro e ajudante. A construção, em alvenaria, já está com as paredes levantadas, entrando na fase de cobertura e acabamento.


Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »