MENU

29/06/2022 às 19h39min - Atualizada em 29/06/2022 às 19h39min

Cia Jerusalém em Cena apresenta A História de Cristo

O espetáculo acontecerá nos dias 9 e 15 de julho, ás 19h, na arena da Assembleia de Deus de Imperatriz

Domingos Cezar
Cartaz do espetáculo - Foto: Divulgação
A direção da Cia Jerusalém em Cena fez o lançamento oficial da peça teatral A História de Jesus Cristo, na manhã da última terça-feira (28), no templo central da Assembleia de Deus de Imperatriz. O evento contou com as presenças de representantes dos patrocinadores, autoridades, políticos, integrantes do grupo, entre outros convidados.

Segundo Jairo Figueiredo, diretor da megaprodução, o espetáculo tem um enredo que despertará no público um misto de sentimentos e emoções, pois contará diversas passagens bíblicas do Antigo e Novo Testamento, como: a criação, Adão e Eva, a queda de Satanás, “entre outras passagens bíblicas que certamente emocionarão o público”, diz o diretor.

O Pastor Paulo Sérgio Macedo, diretor da Cia Jerusalém em Cena garante ser “um espetáculo inédito, com música, teatro, dança, figurino da época, grandes cenários, tecnologia e muita arte, trazendo uma cenografia sofisticada e inovadora”. Atuarão 300 atores, 10 intérpretes musicais, além de 80 profissionais que atuarão na produção.

Atuando no Ministério da Família da Assembleia de Deus, ministrando palestras na área com sua esposa Cristina Porto, o Pastor Luiz Carlos Porto vai atuar na peça ao lado de Cristina e se diz ansioso com a estreia do espetáculo. “Estamos ansiosos, por atuarmos como atores, mas temos convicção que vamos cumprir com esmero nosso papel”, afirma Porto.

A peça teatral A História de Cristo é mais uma produção de artistas, membros da Assembleia de Deus de Imperatriz. O grupo já se apresentou na Beira Rio e no ano passado, pelo Natal, em face a pandemia, o Pastor Raul Cavalcante, em comum acordo com a direção da Cia achou por bem exibir o espetáculo na arena do templo central da Assembleia de Deus.

O templo central da AD de Imperatriz tem capacidade para receber 12 mil pessoas, oferecendo estrutura, segurança, maior comunidade e condições de visibilidade para o público espectador. A entrada é gratuita. O espetáculo conta com o patrocínio do Grupo Mateus e Governo do Estado, por intermédio da Lei Estadual de Incentivo à Cultura.

Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »