MENU

03/06/2022 às 18h00min - Atualizada em 03/06/2022 às 18h00min

FIEMA realiza XXXIV Encontro do Corredor Centro-Norte

A iniciativa da Adecon reuniu especialistas em logística ferroviária, portuária, rodoviária e hidroviária para debater propostas e soluções para o aperfeiçoamento de logística integrada

Da Redação
Imprensa/Sistema FIEMA
Participantes do encontro da ADECON no encerramento do evento - Foto: Divulgação
 
SÃO LUÍS – A Federação das Indústrias do Estado do Maranhão (FIEMA) em parceria com Agência de Desenvolvimento Sustentável do Corredor Centro-Norte (ADECON) e Porto do Itaqui realizou o XXXIV Encontro do Corredor Centro-Norte no Salão Nobre da Federação, nesta quarta-feira, 01. 

O vice-presidente executivo da FIEMA, Celso Gonçalo, fez a abertura do evento dando as boas-vindas ao numeroso grupo de participantes que lotou o Salão Nobre da entidade. Marcaram presença na casa da Indústria, especialistas em logística ferroviária, portuária, rodoviária e hidroviária para debater propostas e soluções para o aperfeiçoamento da logística integrada, reduzir fretes e gerar maior competitividade na região Centro-Norte brasileiro. 

O tema principal do seminário, “Integração e Desenvolvimento do Corredor Centro-Norte”, conecta diretamente a hinterlândia do Porto do Itaqui, um dos principais portos públicos do país, às áreas produtivas do agronegócio, lideranças da sociedade civil e dos Poderes Executivos e Legislativos desse corredor logístico. 

O Presidente da Agência de Desenvolvimento Sustentável do Corredor Centro-Norte (Adecon), Roland Klein, disse que a proposta do encontro foi “trazer representantes da cadeia produtiva do agronegócio para discutir e levantar os desafios do transporte de mercadorias na região e conhecer o complexo logístico compreendido pelo Porto do Itaqui e pelas ferrovias Norte-Sul e Carajás.” 

O diretor de Planejamento e Desenvolvimento da Empresa Maranhense de Administração Portuária (EMAP), Jailson Luz, considera que o evento revela o potencial do Maranhão, do Porto do Itaqui, e, principalmente, das suas conexões com as Ferrovias Norte-Sul e Carajás. “Nós estamos com a previsão de investimento próprio e dos arrendatários da poligonal, de aproximadamente 6,3 bilhões para os próximos 5 anos. Então, queremos mostrar para o empresariado local e nacional, que temos um grande potencial para ser investido, demostrando que temos a capacidade de fazer o recebimento e o escoamento de toda a produção da região”.  

Eduardo Queiroz, Gerente de Outorgas de Autorização, representou o Diretor José Renato Fialho da Agência Nacional de Transportes Aquaviários (ANTAQ) e ressaltou que os corredores servem como instrumentos de acessibilidade territorial. “Ao criarmos condições de escoamento com um fluxo de uma região produtora, também geramos fluxos na sua área de influência, permitindo que regiões anteriormente não atendidas, passem a ser atendidas pelos modais de transporte. Entendo que esses movimentos têm um objetivo único de aumentar o fluxo de carga nacional na região e diminuir o que nós chamamos de impedância, os entraves logísticos, para todos.” 

Representando o Governo do Estado, o Secretário Adjunto de Indústria, Comércio e Serviços do Governo do Estado do Maranhão, Marco Moura enxerga o encontro, como de pessoas, de entidades, de empresas. “Aqui estão reunidos os que discutem o desenvolvimento do Maranhão. O Governador Carlos Brandão nos determina acima de tudo, não só atrairmos empresas para o nosso estado, mas a retenção delas. Isso vai gerar trabalho, renda e riqueza para o nosso Estado.” 

Para o titular da Secretaria de Estado de Programas Estratégicos, José Reinaldo Tavares, encontro como este são fundamentais para o Estado. “A infraestrutura logística é essencial para o desenvolvimento econômico de qualquer lugar e o Maranhão é um dos estados brasileiros mais bem dotados de infraestrutura. Ficamos muito satisfeitos em recebermos aqui um encontro tão importante como esse. De forma que da parte do Estado, nós damos o maior valor a esse acontecimento e desejamos o maior sucesso.”  

Notícias Relacionadas »
Comentários »