MENU

23/05/2022 às 22h02min - Atualizada em 23/05/2022 às 22h02min

Padrasto estuprou enteada por 7 anos

Autor é esposo da guardiã legal da menina que agora tem 13 anos

Assessoria
Caso foi em Araguatins, na região do Bico do Papagaio - Foto: Divulgação
 
Um idoso de 69 anos investigado por abusar sexualmente de uma adolescente de 13 anos foi preso em Araguatins, na região do Bico do Papagaio, nesta sexta-feira (20). A ação faz parte do combate aos crimes contra a dignidade sexual de crianças e adolescentes.

Segundo o delegado Eduardo Morais Artiaga, chegou ao conhecimento da 1ª Delegacia Especializada em Atendimento à Mulher e Vulneráveis (1ª DEAM-V), via requisição do Ministério Público, o procedimento para apurar um possível estupro de vulnerável.

Pelas informações iniciais apuradas, após sete anos sofrendo abusos por parte do companheiro de sua guardiã legal, uma adolescente de 13 anos resolveu fugir para o estado do Pará por não suportar mais a situação.

Ao atender a adolescente durante as investigações, uma equipe do Centro de Referência e Assistência Social (CRAS) diagnosticou imediatamente quadro depressivo grave e crise de pânico em virtude dos abusos sofridos.  

Conforme o delegado Eduardo Artiaga, a prisão do idoso é de grande relevância, uma vez que o crime praticado é hediondo e causou graves sequelas físicas e psicológicas na vítima.

“A ação da Polícia Civil do Tocantins, em conjunto com o Ministério Público, visou dar cumprimento ao mandado de prisão do idoso, que teria por obrigação zelar e proteger a vítima, que também estava sob seus cuidados, mas ao invés disso, ele acabou por submeter a adolescente a um intenso sofrimento”, destacou o delegado.

O idoso foi encaminhado à carceragem da Cadeia Pública de Araguatins.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »