MENU

11/05/2022 às 21h57min - Atualizada em 11/05/2022 às 21h57min

12 anos depois, JV Lideral volta as atividades como time profissional

Tricolor do Camaçari vai disputar a pré-série C em busca de vaga para a série B maranhense de 2022

Dema de Oliveira
Jornal O PROGRESSO
Time JV Lideral campeão maranhense de 2009 último antes da paralisação das atividades - Foto: Divulgação/Arquivo/O PROGRESSO
 
O JV Lideral, volta as atividades como time profissional, depois de 12 anos fora do circuito, já que em 2010, ficou apenas como escolinha de futebol, só com as divisões de base e revelação de jogadores para clubes do Brasil e do exterior.

O JV Lideral, que já era um clube amador de Imperatriz, surgiu como profissional em 2008, ocasião que disputou a segunda divisão do Campeonato Maranhense, chegando a final. O Tricolor do Camaçari ou Trator do Camaçari, como é denominado, devido ao ramo de negócio do fundador e dono do clube, empresário Valter Lira, chegou a final da segundona maranhense em 2008. Na disputa contra o Iape, ficou com o título de vice-campeão e chegou a elite do futebol maranhense.

Em 2009, disputou o Campeonato Maranhense da 1ª divisão e chegou a final, cujo adversário foi o Sampaio Corrêa. No jogo de ida em São Luis, o JV Lideral venceu por 1 x 0. O jogo de volta, foi realizado no estádio Walter Lira, tendo em vista que na época, o Frei Epifânio estava em obras. O Sampaio venceu a partida por 2 x 1. Entretanto, por ter vencido na capital, o JV Lideral ficou com o título, porque pelo regulamento, o Sampaio precisava vencer por uma diferença de dois gols de diferença.

O JV Lideral tinha um exelente time e disputou a decisão com: Vicente; Bruno Limão, Daniel Menezes, Fagundes e Jeferson (Pelezinho); Vagno Pereira, Ismael, Mazinho (Jackson) e Romarinho; Valdanes e Rivelino (Cosmo). Técnico: Sandow Feques.

O Sampaio jogou com: Rodrigo Ramos; Dailson, Leandro, Robinho e Tica; Marcelo Mendes, Marcinho (Eloir), Juninho (Cleber Oliveira) e Gabriel (Lairson); Célio Codó e Thiago Miracema. Técnico: Edson Porto.

Em 2010, como campeão maranhense, o JV Lideral disputou a Copa do Brasil, cujo adversário foi a Ponte Preta. O jogo de ida foi realizado no estádio Manoel Panelada, em Porto Franco, pelo fato do Frei estar em obras de reformas. Primeiro jogo empate sem gols e no segundo no Moisés Lucarelli, vitória da Macaca por 4 a 0.

O JV Lideral Futebol Clube, retoma suas atividades, com o comando dos empresários: Glaydiston Cardoso, da cidade de Itinga do Maranhão e Raimunndo Nonato, da cidade de Colinas do Maranhão.

O time para a pré-série B, já está sendo devidamente montado e já deverá iniciar a pré-temporada nos próximos dias.

O adversário do JV Lideral para a pré-série B, já está definido, em sorteio feito pela Federação Maranhense de Futebol (FMF), na semana passada. Trata-se do Sabiá de Caxias. JV Lideral e Sabiá, farão jogos de ida e volta e o vencedor, segue na competição.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »