MENU

10/10/2020 às 00h00min - Atualizada em 10/10/2020 às 00h00min

Mesmo na pandemia, economia de Imperatriz tem números positivos

Investimentos públicos e privados fazem com que a economia da cidade tenha saldo positivo

Regilson Borges - Ascom
Há anúncios de empresas em processo de instalação na cidade, como as lojas Havan e a rede Assaí Atacadista - Foto: Divulgação
Os sinais positivos do mercado de trabalho em Imperatriz podem ser vistos a partir da contratação da mão de obra no município, mesmo em meio à pandemia. A partir da flexibilização do comércio na cidade, as empresas voltaram a contratar. De  acordo com o Sistema Nacional de Emprego, Sine, entre maio a setembro de 2020, foram mais de 337 pessoas encaminhadas para processo  de recrutamento e 225 vagas de trabalho ocupadas.

Dados do Instituto Brasileiro  de Geografia e Estatística, IBGE, realizada por meio da Pesquisa Mensal de Comé rcio (PMC), aponta crescimento do varejo. Secretário de Governo da Prefeitura de Imperatriz, Eduardo Soares, fala sobre como a cidade tem acompanhado o ritmo do crescimento nacional.

“Em menos de 4 anos foram formalizamos mais de 6 mil novos Microempreendedores Individuais, MEI. Também tivemos mais de 12 mil novas empresas ativas nesse período, com destaque para empresas de  renome nacional: Magazine Luiza, Lojas Renner, Casas Bahia, Rede Potiguar, Terrazoo, Atacarejo Mateus na Avenida Pedro Neiva de Santana” comenta o secretário.

Também há anúncios de  empresas em processo de  instalação na cidade, como as lojas Havan e a rede Assaí Atacadista.

Segundo informações da PMC, as vendas no setor do varejo cresceram 5,2% em julho, em relação ao ano anterior. É o maior percentual já registrado na série histórica, iniciada em 2000, e a terceira alta no mesmo ano.

Outra informação animadora dada pelo secretário  de Governo é sobre a contratação para pessoas com deficiência, com abertura de 100 vagas nos próximos dias. O recrutamento e seleção devem ser feitos pelo Sine Municipal.

HOSPITAL DO AMOR E CEASA - Duas grandes obras em andamento na cidade também devem contribuir ainda mais para geração de  emprego e renda. O Hospital do Amor, por exemplo, cujo terreno foi doado pela Prefeitura de  Imperatriz  e a construção é de responsabilidade da iniciativa privada, vai atender mais de  um milhão de  pessoas de toda região, além da mão de obra para construção do hospital.

Já a Central de Abasteci- mento de  Alimentos, Ceasa, construída nas proximidades do loteamento Colinas Park, é outro empreendimento que vai gerar desenvolvimento para o município.
Inaugurado nesta sexta-feira, 09 de outubro, o Complexo Gastronômico de Culinária Popular, Panelódromo, que só para construção recebeu investimento de R$ 1,5 milhão, com indicação de  verbas do senador Roberto Rocha (PSDB), Companhia  de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba, Codevasf, vinculada ao Ministério do Desenvolvimento Regional e Prefeitura de Imperatriz.
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Loading...