MENU

18/03/2022 às 22h41min - Atualizada em 18/03/2022 às 22h41min

Federação Maranhense revela que jogo Juventude 3 x 7 São José está sob investigação

Presidente da federação, Antônio Américo, disse que a investigação não tem prazo pra ser concluída

João Ricardo
Juventude x São José pelo Maranhense, em São Mateus - Foto: Vitória Magalhães/Juventude
 
O presidente da Federação Maranhense de Futebol (FMF), Antônio Américo, disse que o jogo Juventude 3x7 São José está sob investigação. Segundo o dirigente, toda documentação necessária foi enviada pela entidade à empresa SportsRadar.

Por conta do número cada vez maior de plataformas de apostas, jogos com situações atípicas, como placares elásticos, podem ser submetidos à investigação. Assim, Américo confirmou que a FMF espera o relatório da empresa.

- A CBF tem contratada uma empresa internacional, a SportRadar, que investiga e apresenta relatório com as conclusões. Já enviamos para essa empresa toda a documentação e eles estão investigando. Vamos aguardar a conclusão e repasso para todos - disse o presidente da FMF na manhã desta sexta-feira, um dia após o jogo.

Não há prazo determinado para que a SportRadar apresente um relatório sobre os fatos investigados.

O duelo no Pinheirão, em São Mateus, terminou 7 a 3 do São José contra o Juventude. E desde o início o time de Ribamar sempre esteve a frente no placar.

O Juventude por meio de sua assessoria e o clube disse que aguarda um posicionamento do presidente Miltinho Aragão para se manifestar sobre o jogo.

O São José foi semifinalista do primeiro turno e foi desclassificado pelo Sampaio, que terminou como campeão. No segundo turno, o São José tem a melhor campanha com duas vitórias em dois jogos. Portanto, o rendimento do Peixe Pedra não é estranho, já que mantém o ritmo desde o início do Estadual. O problema está no Juventude por conta de declarações de pessoas envolvidas no clube.

O treinador Orlando Júnior foi desligado após a derrota, por 7 a 3, e num vídeo gravado antes de sair de São Mateus voltando para Fortaleza, ele disse que não compactuava com coisas erradas.

- Tivemos a nossa estreia no segundo turno e conseguimos perder de 7 a 3 para o São José. Eu me senti muito impotente por não poder fazer mais do que eu fiz. Queria agradecer a todos pela oportunidade de ter trabalhado neste grande clube. Agradecer ao Miguel Júnior, gerente de futebol, e ao Miltinho Aragão, presidente do clube. E quero dizer que não compactuo com coisas erradas e tenho certeza também que nossos atletas também não compactuam. Fica o meu muito obrigado e até uma próxima oportunidade. Que a gente consiga realmente tirar o Juventude Samas desta situação. Reitero aqui a minha atenção, que tomem o cuidado com o clube, que as pessoas tenham mais seriedade e que a gente num futuro próximo se encontre pra desenvolver um novo trabalho - disse Orlando Júnior.

Além das palavras do ex-treinador do time, o ex-preparador físico Gabriel Júnior publicou em suas redes sociais mais uma vez mensagens referentes ao Juventude. Na postagem, o profissional não cita o nome do clube, mas ele confirmou que a declaração foi para a situação do time de São Mateus.

- Eu tinha deixado bem claro. Entendedores, entenderão -

Ele disse isso, pois ainda no primeiro turno, depois que o Juventude perdeu, por 3 a 0, para o Pinheiro, no Estádio Costa Rodrigues, o preparador físico se manifestou nas redes sociais falando também sobre fatos estranhos nos bastidores. Ele ainda ficou mais alguns dias trabalhando no clube e depois saiu. Abaixo, as postagens anteriores do profissional quando ainda estava no clube e iniciou seu processo de desligamento.

O novo treinador do time ainda não foi anunciado. O Juventude tem mais três jogos nesta primeira fase pra tentar somar pontos e evitar o rebaixamento. O próximo jogo será quarta-feira (23), as 20h15, no Nhozinho Santos, contra o Moto Club. Depois, enfrenta o Cordino, em Barra do Corda, e fecha sua participação jogando em casa, contra o Tuntum.

Além do Campeonato Maranhense, o Juventude também vai jogar este ano o Campeonato Brasileiro Série D.

Notícias Relacionadas »
Comentários »