MENU

11/03/2022 às 18h21min - Atualizada em 11/03/2022 às 18h21min

De mulher para mulher: Conexão Negócios, mais que um evento, uma experiência

A 2ª edição do Conexão Negócios, evento promovido pelo PDF- MA, reuniu empreendedoras em café da manhã na FIEMA

Da Redação - Imprensa/FIEMA
O Gestor do PDF.FIEMA Carlos Jorge fala para a platéia de mulheres empreendedoras na FIEMA - Foto: Divulgação
 
São Luís – Com o tema: Tendência, desafios e oportunidades: a liderança feminina nas empresas locais, o Conexão Negócios, evento realizado pelo Programa de Desenvolvimento de Fornecedores (PDF Maranhão) da Federação das Indústrias do Estado do Maranhão (FIEMA), dedicou a sua 2ª edição em homenagem às mulheres, na última quarta-feira, 09. 

 Para o gestor do PDF Maranhão, Carlos Jorge Taborda, o evento proporcionou um momento para inspirar, conectar e fortalecer o protagonismo feminino do estado. “Nós quisemos realizar conexões entre as mulheres empresárias e executivas com as quais lidamos e conhecemos no dia a dia, que visitamos, que trocamos ideias, que são nossas apoiadoras, nossas mantenedoras. Então resolvemos colocar essas mulheres tão especiais para conversarem entre si”, disse o gestor do PDF.  

 As convidadas participaram das palestras que preencheram a manhã com o compartilhamento de conhecimentos, conversas, troca de experiências e interatividade. Tudo isso acompanhado de um café da manhã preparado especialmente pelas nutricionistas colaboradoras do Serviço Social da Indústria (SESI).  

 Na abertura do evento, foi exibido um vídeo gravado por Aline Louise, representante da Eneva e atual presidente do Conselho Gestor do PDF. No vídeo, Aline agradeceu a presença das participantes e estimulou que mais encontros com essa finalidade sejam realizados, possibilitando conexões entre empresas maranhenses, em especial, as lideradas por mulheres. 

 Seguiu-se a apresentação da analista de responsabilidade social da Eneva, Marcelle Silva, que abordou o projeto Elas Empreendedoras, realizado nas comunidades do entorno das operações da Eneva. Na sequência, ocorreram as palestras da idealizadora da Plataforma Ela Faz, Lívia Viana, que falou sobre essa inovação; da proprietária da Dinâmica Contabilidade, Núbia Sousa, que tratou de educação financeira; das sócias da Innove Imagem, Beatrice Paiva e Taynara Sertão, que deram dicas sobre a imagem pessoal no ambiente corporativo; e da sócia-proprietária da Meta Desenvolvimento Humano, Maria de Jesus Silva, com a temática sobre liderança. 

 Maria de Jesus Silva, da Meta Desenvolvimento Humano, falou do exemplo de grandes líderes como Nelson Mandela, que exerceram a liderança, servindo. Ela ensinou que um líder deve ter a clareza dos seus valores pessoais e que a sua principal ferramenta é a boa comunicação.   

 “Quando eu vejo que um homem, o Carlos Jorge do PDF, organizou um evento de negócios para mulheres, eu entendo que evoluímos bastante. Outra coisa que acredito ser muito importante é que o PDF tem uma atuação intensa e é um grande parceiro para fazer de fato essa conexão de negócios e reunir mulheres para falar sobre liderança. Achei fantástico! Afinal de contas o que são as empresas sem líderes, não é?”, expressou Maria.   

 Kellen Kalli, CEO da Memps, relata que é um desafio ser mulher e equilibrar a vida pessoal, profissional e familiar. “Achei essa iniciativa do PDF superinteressante, a gente precisa se fortalecer enquanto mulheres na liderança das empresas. Encontrar outras mulheres que vivem o mesmo e que conseguem construir coisas, é realmente um incentivo, pois eu me sinto muito motivada a querer conectar cada vez mais com elas”.  

 Para a palestrante Núbia Sousa, falar de negócios sem falar em dinheiro, seria uma falta grave. “Quis levar para outras mulheres algumas sugestões que podem ser feitas nas suas gestões financeiras. Somos os resultados de lutas desbravadas no passado e hoje somos nós que devemos dar continuidade pela busca de um espaço, para mostrar que somos competentes e que isso faz diferença”. 

 UMA MULHER DE FIBRA – A participante do evento Simony Amaral, proprietária da Quali Soluções Ambientais, revelou um pouco da sua história de superação. Do interior do Sertão de Pernambuco, Simony ainda criança, veio com a família para São Luís e conta, inundada de emoção e lágrimas, que passou por grandes dificuldades. “Eu vendia lanches com a minha mãe na CEASA para ajudar no sustento de casa. Todas as vezes que a vida fica difícil, passo em frente a CEASA e lembro de onde eu vim. Esse é o gatilho que me impulsiona a prosseguir”. 

 Simony conquistou seu lugar no mercado local. Hoje a Quali já realiza atendimentos aos navios atracados no Porto do Itaqui com abastecimento de água, serviços de esgoto, óleo e resíduos sólidos, além de prestar serviços para a maioria dos hospitais da capital, residências e indústrias. 

 “Estou encantada com o trabalho do PDF que tem me incentivado a gritar para o mundo que nós estamos dispostas e que o mercado está de portas abertas para qualquer tipo de empreendedor, seja homem ou mulher. A gente só precisa ir atrás”, declara.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »