MENU

08/03/2022 às 19h44min - Atualizada em 08/03/2022 às 19h44min

Espetáculo de danças sobre violência contra a mulher é lançado em Imperatriz

Intitulado por “Tu és Tua!” o projeto do Grupo de Danças Pasárgada foi patrocinado pela Lei Aldir Blanc

Bruna Viveiros - Assessoria do Grupo Pasárgada
O espetáculo busca trazer o debate sobre a violência contra a mulher nesta data comemorativa - Foto: Roberth Nunes
 
Em comemoração à Semana da Mulher, o Grupo de Danças Pasárgada lançou ontem, dia 08, o espetáculo audiovisual “Tu és Tua!”, um projeto patrocinado pela Secretaria de Cultura do Estado do Maranhão e o Ministério do Turismo, por meio da Lei Aldir Blanc.

O espetáculo tem como temática central a violência contra a mulher em sociedade, estas que são retratadas em coreografias e trazem o debate para além das agressões físicas, mas também abordam a violência do Estado, a estética, a psicológica, entre outras formas de negligências aos direitos das mulheres e ao corpo feminino no mundo.

A performance faz uso das técnicas das Danças Clássicas, em especial o Neoclássico, Jazz e Contemporâneo. Está dividido em quatro momentos e tem 21 minutos de duração. Desde a direção de fotografia até a direção artística, a criação do espetáculo foi desenvolvida para promover uma experiência em tela, repleto de mensagens visuais e intertextos em seu enredo.

Dando voz ao trabalho de mulheres, o projeto se alicerçou no produto de artistas brasileiras. A trilha sonora conta com a arte de Elza Soares e grupo musical Mulamba. Além da dança, a literatura é abordada com a declamação dos poemas de Florbela Espanca, célebre escritora portuguesa precursora do movimento de emancipação feminina lusitana no início do séc. XX;

O nome Tu és Tua! vem da concepção de que o espetáculo é uma conversa direta às mulheres, que busca levar a compreensão de que cada uma é um ser único, capaz e pertencente exclusivamente a si mesma. O projeto está disponível no link:  https://www.youtube.com/watch?v=KB9NXgzd_vM

 Grupo Pasárgada - Inspirados pelo poema Vou-me Embora pra Pasárgada, de Manuel Bandeira, um célebre poeta e crítico literário brasileiro, o Grupo de Danças Pasárgada surgiu no ano de 2014, na cidade de Imperatriz (MA), estando ativo desde então. O conjunto propõe a liberdade para um lugar melhor, mais humano, feliz e de sonhos alcançáveis, possibilitado somente por meio da dança e da cultura. É o primeiro grupo de danças independente no segmento clássico, jazz e contemporâneo da cidade de Imperatriz. Foi idealizado pela união de amigos bailarinos, que há mais de 10 anos trabalhavam em outros espaços de dança no mesmo município.

Notícias Relacionadas »
Comentários »