MENU

24/02/2022 às 17h30min - Atualizada em 24/02/2022 às 17h30min

Giovanni Guerra apresenta para ministro as potencialidades turísticas do Rally Cerapió 2022

Gilson Machado Neto, do Turismo, participou da programação do evento.

Fran Oliveira - Comunicação CBA
Giovanni Guerra (presidente da CBA) e Gilson Machado Neto (Ministro do Turismo) - Foto: Pedro França/MTur

  
Em sua edição 2022 e a convite do promotor Ehrlich Cordão, o Rally Cerapió recebeu as visitas do Ministro do Turismo, Gilson Machado Neto, e do presidente da CBA, Giovanni Guerra. O encontro foi realizado no Piauí, trecho final do rally, no dia 27 de janeiro. A comitiva também visitou uma das belezas naturais do Piauí, o Delta do Parnaíba. Na ocasião, Guerra destacou, em conversa com o ministro, as potencialidades turísticas do rally brasileiro. Válida pelo Campeonato Brasileiro de Rally de Regularidade, a competição foi realizada de 24 a 27 de janeiro e comemorou 35 anos de existência.O presidente da CBA, que é natural de Anápolis (GO) e radicado em Imperatriz (MA), ressaltou que “no Brasil, temos um patrimônio ativo riquíssimo tanto econômico, como cultural, educacional e turístico. Eventos como este destacam ainda mais nossa cultura e essa natureza que só nosso país tem. E queremos trazer não apenas pessoas de outros lugares do Brasil, mas sim, do mundo inteiro. Até mesmo, por esse motivo, a CBA se comprometeu a dar apoio técnico para a construção de um complexo automobilístico na cidade”.

“Sempre que organizo o rally, busco unir os pontos turísticos da região, até porque muitos pilotos trazem a família. Dessa forma, envolvendo o esporte com o turismo, temos também resultados direto no incremento da economia local”, completou Cordão.

De acordo com o Ministro, o Rally agrega muito ao turismo. “Os pilotos vêm para participar da competição, depois retornam para conhecer mais da região. Integrar eventos do automobilismo com a divulgação turística do país é formidável, precisa ser replicado em mais locais”, afirmou Gilson.

Ainda, segundo ele, o Delta do Parnaíba precisa ser mais divulgado, para atrair turistas de outros estados e países. Também conhecido como Delta das Américas, ainda inclui Jericoacoara (CE) e Lençóis Maranhenses (MA). “Estamos na porta da Europa, temos um aeroporto em Parnaíba. Além das belezas naturais, temos um mar propício à prática do kitesurfe. Podemos explorar o turismo no Brasil perenemente o ano todo”, disse.

Na oportunidade, o Machado conheceu o Museu do Mar, localizado no Porto das Barcas, em Parnaíba. “No Museu do Mar você encontra tudo referente ao mar: artefatos de pesca, os tipos de animais da biodiversidade da fauna marítima local, barcos, a religião bem representada. E isso está muito bem representado no acervo”, concluiu.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »