MENU

24/09/2020 às 00h00min - Atualizada em 24/09/2020 às 00h00min

Agentes de Saúde recebem capacitação sobre Setembro Amarelo

Servidores da Saúde Mental levaram informações sobre atendimentos para zona rural

Regilson Borges
Ascom/PMI
Agentes Comunitários de Saúde também receberam folder e ímã de geladeira para entregarem aos pacientes - Foto: Patrícia Araújo
Ações da campanha Setembro Amarelo,  de  responsabilidade da Rede  de Saúde Mental da  Prefeitura  de  Imperatriz, chegaram na zona rural. Nesta quarta-feira, 23, servidores estiveram na Unidade Básica de Saúde do povoado Coquelândia para uma formação com os Agentes Comunitários de Saúde, ACS.

Com as limitações impostas pela pandemia da Covid – 19, as atividades desenvolvidas ao longo da campanha pela valorização da vida, as palestras com número maior de pessoas, não estão sendo realizadas. Contudo, o foco está sendo o trabalho de  conscientização dos Agentes  de Saúde, para que sejam multiplicadores das informações sobre os cuidados com a saúde mental.

A ACS Marineide dos Santos trabalha no povoado há mais de 21 anos. “Tudo o que a gente houve e vê já é uma ajuda grande. Ninguém sabe tudo. Mas todo dia aprendemos algo novo. Esse treinamento veio somar muito com o nosso paciente, pois as vezes existem situações que a gente fica perdido”, conta.

“Marineide chegou a relatar uma situação com um paciente que, durante a madrugada, estava com problemas mentais e precisava ajudá-lo. Naquela época, ela não sabia como reagir. Mas, a partir  de hoje, por meio da palestra da saúde mental, ela sabe como reagir, caso aconteça algo semelhante, Marineide sabe que deve acionar o Corpo de Bombeiros ou o Samu. Para o coordenador da Unidade Básica de Saúde, José Elias Mendonça, as informações levadas aos agentes são positivas e irão contribuir  de forma positiva com a comunidade. “Apesar de  estarmos na zona rural da cidade, aqui temos casos de  suicídio, com jovens e adolescentes, ou idosos. Essas informações são importantes, já que eles moram aqui na comunidade e conhecem as pessoas.”

A UBS de Coquelândia atende seis povoados, desde Bacaba até Petrolina, além  de fazendas e demais comunidades, que juntas, somam mais de 3750 pacientes.
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Loading...