MENU

23/09/2020 às 00h00min - Atualizada em 23/09/2020 às 00h00min

PF faz operação em 4 cidades do Tocantins por fraude em licitação de estradas

As investigações da Operação “Tempos Modernos” apontam um prejuízo de aproximadamente R$ 3 milhões

COMUNICAÇÃO PF
Fraude ocorreu em Alvorada, Jaú do Tocantins, Paraíso do Tocantins e Palmas - Foto: Divulgação

A Polícia Federal deflagrou nesta terça-feira (22) a Operação ‘Tempos Modernos’, visando desarticular organização criminosa envolvida em fraudes a licitação e contratos públicos de pavimentação e abertura de estradas vicinais na região sul do Estado.

Cerca de 45 agentes cumprem 10 mandados judiciais de busca e apreensão, três afastamentos de cargos públicos e outras medidas judiciais diversas, todas expedidas pelo Tribunal Regional Federal da 1ª Região (TRF1), para cumprimento nas cidades de Alvorada, Jaú do Tocantins, Paraíso do Tocantins e Palmas.

Conforme a PF, a investigação teve início após o aporte de informações contendo indícios de que as licitações estariam sendo direcionadas a determinada empresa que estaria vencendo todas as licitações no sul do Estado do Tocantins.

O grupo criminoso atuava através de pagamento de propina aos servidores públicos envolvidos no processo de licitação, contratação e fiscalização. A empresa responsável pelas fraudes subcontratava a execução das obras, que sempre aconteciam em condições inferiores as tipificadas nos contratos. As investigações apontam um prejuízo de aproximadamente R$ 3 milhões aos cofres públicos.

Os investigados poderão responder, nas medidas de suas responsabilidades, pelos crimes de fraude a licitação, peculato, organização criminosa, corrupção ativa e passiva e lavagem de dinheiro.

O nome da operação ‘Tempos Modernos’ faz uma referência crítica ao mundo capitalista, em que tudo gira em torno do capital e do lucro, e para atingir seus objetivos algumas organizações lançam mão de uma requintada estrutura de corrupção, em detrimento da sociedade e do bem público. 

Prefeito e secretários são afastados em Jaú
A operação ‘Tempos Modernos’, deflagrada pela Polícia Federal na manhã desta terça-feira (22), afastou do cargo o prefeito de Jaú do Tocantins, Onassys Moreira Costa (PSD), por suspeita de integrar uma organização criminosa envolvida em fraudes a licitações e contratos públicos de pavimentação e abertura de estradas vicinais. 

Além do gestor, dois servidores da comissão de licitação da cidade também foram afastados dos cargos. Entre os agentes públicos afastados ainda estão secretários de dois municípios. A PF também cumpriu mandado de busca na casa do dono da empresa que estaria envolvida nas fraudes, na cidade de Alvorada.

Conforme a PF, há indícios de que as licitações estariam sendo direcionadas, pois uma única empresa estaria vencendo todas as licitações no sul do Estado do Tocantins.

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Loading...