MENU

10/06/2020 às 09h40min - Atualizada em 11/06/2020 às 09h40min

Sampaio e demais clubes da Série B receberão adiantamento de cotas da CBF

Dema de Oliveira
Sergio Frota vai repor plantel para disputa da Série B 2020 - Foto: Divulgação/SCFC

Não foram apenas os clubes das Séries C e D no futebol masculino além das duas divisões nacionais do futebol feminino (A1 e A2) que receberam um auxílio financeiro da CBF em meio à paralisação das competições como forma de prevenção a pandemia do novo coronavírus.

Segundo relatou a própria entidade em seu site oficial, os times que disputarão a Série B do Brasileirão (Sampaio Corrêa, América-MG, Avaí, Botafogo-SP, Brasil de Pelotas, Chapecoense, Confiança, CRB, Cruzeiro, CSA, Cuiabá, Figueirense, Guarani, Juventude, Náutico, Oeste, Operário, Paraná, Ponte Preta, e Vitória) vão receber um adiantamento calculado em 10% do pagamento dos direitos de transmissão que seriam repassados pela Confederação Brasileira de Futebol aos mesmos.

Como o valor líquido pago é de R$ 6 milhões, cada participante receberá R$ 600 mil para minimizar a ausência de receitas. Com isso, a CBF irá desembolsar de seus cofres o equivalente a R$ 12 milhões unicamente com essa iniciativa.

Considerando as outras medidas onde podem ser inclusas a Isenção por tempo indeterminado aos clubes das taxas de registro e transferência de atletas além do adiantamento aos árbitros do quadro nacional do pagamento de uma taxa de arbitragem (considerando o valor mais alto de 2019), o incentivo dado pela entidade máxima do futebol brasileiro bate a casa dos R$ 36 milhões.

O presidente do Sampaio, Sérgio Frota, disse que essa grana chegou em boa hora e deverá ser usada pelo Tricolor Maranhense, para pagar salários, inclusive de funcionários e para contratação de jogadores para reposição do plantel. O Sampaio, foi o clube que mais dispensou jogadores, desde que o futebol teve suas atividades suspensas, devido a pandemia do coronavírus.


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Loading...