MENU

22/09/2020 às 00h00min - Atualizada em 22/09/2020 às 00h00min

Detectado mais um caso de covid-19 no elenco do Imperatriz

Dema de Oliveira
Atacante Blaise teve teste positivo para o covid-19 - Foto: Divulgação

Mais um jogador do Imperatriz foi testado positivo para covid-19, nos testes feitos antes da viagem para Goiânia, para o jogo contra o Vila Nova. 

Dessa vez, o teste positivo foi do atacante Blaise, camaronês que foi contratado há cerca de um mês e que sequer estreou com a camisa Colorada. O resultado do teste positivo do jogador foi anunciado quando a delegação já estava em Marabá, o primeiro trecho da viagem, até a capital de Goiás. O jogador, que passa bem, estando assintomático, imediatamente retornou para Imperatriz, onde se encontra em regime isolamento e ficará por 14 dias sem quaisquer atividades. 

Com o teste positivo de Blaise, agora soma 22 o número de casos do covid-19 em jogadores do Imperatriz.

Constrangimento
Quando a maré não está para peixe, tudo acontece. Em Brasília, a delegação do Imperatriz foi alvo de constrangimento, por parte da tripulação da Gol. A delegação foi convidada a se retirar do avião e o motivo teria sido porque o diretor de futebol Marcelo Lucas, teria se dirigido a um comissário de bordo, com ato discriminatório. O advogado Antonio Torres, presidente do Conselho Deliberativo do Clube, que está acompanhando a delegação, saiu em defesa do Clube. Os jogadores e comissão técnica seguiram no voo, mas Marcelo Lucas e o advogado Antonio Torres tiveram de desembarcar. Os dois foram levados de carro para Goiânia, por conta da Gol.

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Loading...