MENU

24/11/2021 às 20h34min - Atualizada em 24/11/2021 às 20h34min

​Vice-governador Carlos Brandão recebe medalha Cândido Mendes em cerimônia de comemoração dos 208 anos do TJMA

Vice-governador Carlos Brandão é condecorado com a Medalha Cândido Mendes

Madson Fernandes - SECOM
Foto: Divulgação/TJMA
 
O vice-governador Carlos Brandão recebeu do Tribunal de Justiça do Maranhão (TJMA) a Medalha Cândido Mendes, na última sexta-feira (19), durante cerimônia de homenagem a cidadãos que prestaram serviços à Justiça estadual. A solenidade aconteceu na sede do Tribunal, em comemoração aos seus 208 anos.

No evento também foram homenageadas outras 15 pessoas, entre magistrados, magistradas, juristas e autoridades locais com a Medalha dos Bons Serviços Bento Moreira Lima, do Mérito Judiciário Antônio Rodrigues Velloso e a Medalha Especial do Mérito Cândido Mendes.

De acordo com o vice-governador Carlos Brandão, o reconhecimento do trabalho realizado até aqui em todo o estado inspira ainda mais a continuidade.

“O caráter dessa honraria muito me alegra, pois sei que a sua concessão é especial. É algo que me inspira a fazer muito mais pelo nosso Maranhão, a lutar por melhores condições de vida - mais justas, mais dignas -, para cada maranhense. O Tribunal de Justiça pode contar sempre com a minha máxima contribuição em levar benefícios para a população, de forma democrática”, afirmou.

O presidente do TJMA, desembargador Lourival Serejo, apontou que as medalhas devem recordar aos homenageados seu compromisso com a Justiça a todos aqueles que esperam soluções.

“Chegamos a um momento da história em que o Poder Judiciário tornou-se o mais confiante depositário das esperanças dos cidadãos que anseiam pela satisfação dos seus direitos”, destacou.

Entre os 16 homenageados estavam ainda os secretários de Estado da Educação, Felipe Camarão; da Saúde, Carlos Lula; e da Administração Penitenciária, Murillo Andrade.

Representando os laureados, o secretário Carlos Lula elogiou a atitude de todos os presentes que alcançaram o reconhecimento do Tribunal.

“É possível ostentar uma medalha como essa hoje, a honrar a Justiça, a honrar esse Tribunal, apontar para o caminho de uma sociedade mais justa, fraterna e solidária – como informa a Constituição – e tomar atitudes pensando no conjunto da sociedade e no futuro”, declarou.

Junto com o desembargador Lourival Serejo e o vice-governador Carlos Brandão, também compuseram a mesa o vice-presidente da Assembleia Legislativa, deputado Glalbert Cutrim; o presidente do Tribunal de Justiça do Piauí (TJPI), José de Ribamar Oliveira; o procurador de Justiça Francisco das Chagas Barros de Sousa; o deputado federal Edilázio Júnior; e o presidente da Associação dos Magistrados do Maranhão (AMMA), Holídice Barros.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Loading...