MENU

06/11/2021 às 07h17min - Atualizada em 06/11/2021 às 07h17min

Estados e municípios recebem R$ 308 milhões para ações de enfrentamento da pandemia

Ministério da Saúde destina verba para atenção primária e média e alta complexidade, entre outros serviços

Janary Bastos Damacena
Brasil 61
Ministro da Saúde, Marcelo Queiroga. Foto: Myke Sena/MS

  
O Ministério da Saúde liberou, nessa quinta-feira (4), a transferência de mais de R$ 308 milhões aos estados e municípios para o enfrentamento da pandemia. Os recursos serão destinados à atenção primária, média e alta complexidades, serviços de urgência e emergência e atenção hospitalar, entre outros serviços.

O repasse será feito aos Fundos de Saúde dos estados e municípios. O cálculo da distribuição dos recursos financeiros foi feito com base na quantidade total de Autorização de Internação Hospitalar (AIH), dos meses de janeiro a junho de 2021.

Um exemplo de município contemplado com esse investimento, é a cidade de Planaltina de Goiás, que recebeu R$ 231 mil. O prefeito do município, Delegado Cristiomario, explica a importância dos recursos. “Os municípios possuem poucos recursos, diante de uma situação como essa da pandemia. Nós temos que, obrigatoriamente, utilizar 15% da nossa arrecadação com saúde, porém aqui nós estamos utilizando cerca de 40%. E por esse motivo, qualquer tipo de ajuda é bem vinda, é motivo de agradecimento da nossa parte pelo Ministério da Saúde, o Governo Federal, tenha nos ajudado nesse momento”, destacou.

Até agora, o Ministério da Saúde destinou cerca de R$ 5,7 bilhões para o combate à pandemia em todo Brasil com ações que melhorem a vida da população. E é isso o que fala o prefeito delegado Cristiomario. “Com esses recursos do ministério, nós vamos pagar parte das despesas que nós temos com médicos, enfermeiros e toda a equipe médica, além de oxigênio e medicamentos”.

Portaria que autoriza o investimento: https://in.gov.br/en/web/dou/-/portaria-gm/ms-n-2.999-de-3-de-novembro-de-2021-356931003

Dados da Covid-19

O Brasil registrou mais 13.321 casos e 389  óbitos por Covid-19, nas últimas 24h, de acordo com o balanço mais recente do Ministério da Saúde nesta sexta-feira (05). Desde o início da pandemia, mais de 21.862.458 milhões de brasileiros foram infectados pelo novo coronavírus. 

O Rio de Janeiro ainda é o estado com a maior taxa de letalidade entre as 27 unidades da federação: 5,17%. O índice médio de letalidade do País está em 2,8%. 

Taxa de letalidade nos estados

  • RJ    5,17%
  • SP    3,45%
  • AM    3,22%
  • PE    3,17%
  • MA    2,83%
  • PA    2,80%
  • GO    2,67%
  • AL    2,62%
  • PR    2,60%
  • CE    2,60%
  • MS    2,56%
  • MG    2,54%
  • MT    2,52%
  • RO    2,43%
  • RS    2,42%
  • PI    2,18%
  • BA    2,17%
  • SE    2,17%
  • ES    2,13%
  • PB    2,12%
  • DF    2,10%
  • AC    2,10%
  • RN    1,98%
  • TO    1,70%
  • SC    1,62%
  • AP    1,61%
  • RR    1,60%

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Loading...