MENU

29/10/2021 às 20h19min - Atualizada em 29/10/2021 às 20h19min

Governador Flávio Dino aprova projetos voltados à autonomia das mulheres

Sandra Viana
Secom/MA
Secretária Ana Mendonça e a adjunta Antonieta Lago destacaram a importância dos projetos aprovados pelo governador Flávio Dino - Foto: Karlos Geromy
 
Reforçando as políticas públicas em apoio e acolhimento das mulheres, o governador Flávio Dino aprovou dois importantes projetos - Capacita Mulher e Mulheres Guardiães - para fortalecer e garantir mais autonomia ao segmento. A solenidade, realizada nesta quinta-feira (28), no Palácio dos Leões, teve presença da secretária de Estado da Mulher (SEMU), Ana Mendonça, e da adjunta, Antonieta Lago. As iniciativas são para promoção de ações na defesa da mulher vítima de violência e na capacitação para gerar trabalho e renda.

A titular da SEMU, Ana Mendonça, pontuou que os projetos aprovados pelo governador Flávio Dino têm importância na criação de uma ponte para as mulheres maranhenses e no fortalecimento de uma política estruturante. 
“O Governo tem investido em políticas para mulheres e tem alcançado todos os municípios nas bases, respeitando as especificidades das mulheres. Com isso, fortalece, cada vez mais, a ampliação da garantia de direitos. Estamos muito felizes pelo governador contribuir para essa autonomia. Com a pandemia, nós, mulheres, fomos as mais afetadas, diretamente, e somos também a maioria chefe de família. Esse fortalecimento, com os programas de autonomia econômica, dará mais condições às mulheres, diante de toda esta crise”, frisou.

Com o programa Capacita Mulher, o governo estadual vai destinar recursos e promover o fortalecimento dos arranjos produtivos de vários grupos de mulheres, em todo o estado. As iniciativas devem chegar aos 217 municípios. O foco é estimular o protagonismo e empreendedorismo, pela garantia da autonomia econômica e social das mulheres. Com o Mulheres Guardiães, a proposta é fortalecer as mulheres como multiplicadoras de ações de prevenção contra a violência. A atuação será em seus municípios de origem e prevê um auxílio financeiro para que possam levar à frente as iniciativas.

“O Maranhão é riquíssimo do protagonismo e do empreendedorismo feminino. Temos mapeados vários grupos produtivos de mulheres, em todo o Maranhão, a exemplo de marisqueiras, pescadoras, artesãs, quilombolas, indígenas e outras várias especificidades. A ideia do governador Flávio Dino é, justamente, fortalecer esses grupos para que essas mulheres continuem garantindo sua autonomia econômica e fortalecendo a economia em seus municípios”, destacou a secretária adjunta da SEMU, Antonieta Lago. 

Ambos os programas terão edital a ser lançado brevemente, explicando critérios e condições de acesso das mulheres.

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Loading...