MENU

19/10/2021 às 18h54min - Atualizada em 19/10/2021 às 18h54min

Coleta seletiva alcançou mais de 30 toneladas de recicláveis em setembro

Este ano já foram coletadas 373.543 toneladas de materiais recicláveis

Léo Costa
Ascom/PMI
Destaque para o papelão com 15 toneladas no mês de setembro - Foto: Arquivo
 
O programa de coleta seletiva, desenvolvido desde 2017 pela Prefeitura de Imperatriz, por meio da Secretaria de Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Semmarh), alcançou no mês de setembro cerca de 30.850 toneladas de materiais recicláveis, destacando o papelão com 15 toneladas, seguido de papeis em geral com 5.000 e plásticos diversos com 2.000. No Ponto de Entrega Voluntária, PEV, da Vila Cafeteira, também foram alcançados 5 mil quilos de materiais recicláveis.

De acordo com dados da planilha de acompanhamento de recicláveis, já foram coletados de janeiro a setembro deste ano 373.543 toneladas, sendo que papelão é o recordista com 177.944 toneladas.

“A coleta seletiva é de grande relevância para o meio ambiente, e nos oferece subsídio para aprimorar cada vez mais o trabalho de educação ambiental com os munícipes. Mas, reforçamos que para que as políticas públicas aconteçam de forma eficiente, a participação da população na destinação adequada dos materiais é essencial. Desta forma, ajuda Imperatriz a tornar uma cidade cada vez mais sustentável”, destaca a secretária de Meio Ambiente, Rosa Arruda.

O Programa Municipal de Coleta Seletiva conta com 12 Pontos de Entrega Voluntária, PEVs, coleta de porta em porta e a participação de 82 parceiros, entre empresas, condomínios, agências bancárias, escolas, igrejas e instituições em geral. A coleta dos resíduos é realizada pela Secretaria Municipal de Limpeza Pública, SLP, sob a logística da empresa MB Limpeza Urbana.

O coordenador municipal da coleta seletiva, Jairo Sant´Ana, pontuou sobre a importância da coleta seletiva é a redução dos impactos ambientais. Segundo ele, “a separação correta dos resíduos é um dos pilares do consumo sustentável e que a política ambiental promovida pela Prefeitura de Imperatriz, com apoio de parceiros, permite sustento de dezenas de famílias através do reaproveitamento de resíduos”, pontuou.

Todo o material coletado nestes locais é destinado para Associação dos Catadores de Materiais Recicláveis (Ascamari), Avenida Cacauzinho, s/n, Recanto Universitário, Vila Fiquene, onde em torno de 250 famílias são beneficiadas, direta e indiretamente.

O contato com a equipe da coleta seletiva é feito através do Disque Coleta (99) 99218-4275 ou na empresa MB Limpeza Urbana (99) 98511-4564.

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Loading...