MENU

09/10/2021 às 18h20min - Atualizada em 09/10/2021 às 18h20min

Belém: Círio de Nazaré tem restrições devido à pandemia de covid-19

Neste ano, a famosa corda não será carregada pelos fiéis, pois foi dividida em 98 pedaços e distribuída para as 98 paróquias do Pará e será exibida na missa de amanhã.

Agência Brasil - Brasília
Festa religiosa paraense tem programação este fim de semana - © Marcello Casal Jr/Agência Brasil

  
O Círio de Nazaré, uma das maiores festas religiosas, realizada todos os anos em Belém, capital do Pará, prossegue com sua programação ao longo deste fim de semana. Pelo segundo ano consecutivo, o evento ocorre com restrições por causa da pandemia de covid-19. 

A única procissão oficial mantida foi a do translado rodoviário da imagem da santa, ocorrido sexta-feira (8), em um percurso de 60 quilômetros de Belém aos municípios de Marituba e Ananindeua, na região metropolitana de Belém.

Neste domingo (10), está prevista missa na Catedral da Sé (7h); sobrevoo da Imagem Peregrina sobre a cidade (8h30); percurso do Círio em sobrevoo (11h); missa na Basília-Santuário (12h) e homenagem da Esquadrilha da Fumaça (16h30)

Os momentos mais emocionantes do Círio são as procissões do sábado à noite e domingo de manhã, quando uma multidão se aperta para carregar a famosa corda de 800 metros de comprimento e 50 milímetros de diâmetro. Neste ano, a corda não será carregada pelos fiéis. Ela foi dividida em 98 pedaços e distribuída para cada uma das 98 paróquias do Pará, quando será exibida na missa deste domingo.

Em 2020, mesmo com as restrições ao público, o Departamento Intersindical de Estudos e Estatísticas (Dieese) do Pará calculou que 100 mil pessoas estiveram nas ruas de Belém, cerca de 5% dos 2 milhões já registrados antes da pandemia.
 


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Loading...