MENU

04/10/2021 às 21h25min - Atualizada em 04/10/2021 às 21h25min

Carlos Brandão participa da abertura da 1ª Feira do Agronegócio de Imperatriz

Madson Fernandes
Secom/MA
  
A 1ª Feira do Agronegócio de Imperatriz (Feagro), realizada, nesta segunda-feira (4), no Parque de Exposições Lourenço Vieira da Silva, contou com a presença do vice-governador Carlos Brandão. “Com a 1ª Feira do Agronegócio, o Maranhão está entrando num novo cenário, com o incentivo do nosso governo na geração de inovação e tecnologia para o campo. É assim que se agrega mais renda à produção rural”, afirmou.

O evento - que acontece até o dia 8 de outubro, com stands de exposição, palestras, cursos, leilões e torneio leiteiro - é realizado pelo Sindicato Rural de Imperatriz (Sinrural), e é o primeiro a ocorrer em dois anos, desde a paralisação da tradicional Exposição Agropecuária de Imperatriz (Expoimp), devido à pandemia da Covid-19.

Ao todo, 45 expositores e 20 palestrantes compõem a programação da Feagro, com o apoio das secretarias de Estado da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Sagrima) e de Ingraestrutura (Sinfra). De acordo com Carlos Brandão, o interesse do Governo na feira é atrair investimentos que contribuam para a industrialização da produção rural da região de Imperatriz. 

“Se você produz, por exemplo, uma goiaba, você tem que transformar essa goiaba numa geleia, num doce etc. Isso vale tanto para o pequeno quanto para o grande produtor, porque é assim que você cria toda uma nova cadeia produtiva que gera mais renda. Outros estados estão avançando nesse setor, e o Maranhão não vai ficar pra trás”, assegurou Brandão. 

Segundo o presidente do Sinrural, Afonso Danda, as expectativas para a realização da 1ª Feagro já foram superadas.

“A maioria dos 45 stands da nossa feira são de grandes lojas do varejo que estão chegando à nossa região, o que prova a nossa importância no agronegócio”, destacou o presidente.
O prefeito de Imperatriz, Assis Ramos, também ressaltou a relevância da produção da região para a economia do Maranhão, que agrupa um total de 22 municípios.

“O agronegócio em Imperatriz é uma vocação natural, é o que alavanca a nossa economia regional e estadual, de forma que a gente fica muito satisfeito em participar e fomentar esse evento, tendo em vista tudo o que desenvolvemos nesse período de pandemia. Tenho certeza de que será um sucesso, e quem ganha é Imperatriz, é a região, é o Maranhão”, pontuou o prefeito.

Para a produtora rural Rosa Maria Barros, representante da Cooperativa Hortifrutigranjeira (Coopihorti), a Feira de Agronegócio é a oportunidade do pequeno produtor rural se colocar no mercado.

“É uma forma para gente sair do anonimato, buscando produzir mais, alcançar mercados e incentivos financeiros para a preparação da terra, plantio, manejo, colheita etc., porque a gente sabe que para colher resultados, a gente precisa plantar inovação”, afirmou Rosa Maria, citando o slogan do evento.

Além do vice-governador, também participaram da abertura da Feagro os secretários de Estado de Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Sérgio Delmiro e de Infraestrutura, Clayton Noleto; o deputado federal Josivaldo JP; os deputados estaduais Antonio Pereira, Marcos Aurélio e Rildo Amaral; o presidente do Sinrural, Afonso Danda; o prefeito de Imperatriz, Assis Ramos; a juíza Ana Beatriz Jorge Maia e o presidente da Federação de Indústrias do Estado do Maranhão (Fiema), Edilson Baldez. 
 

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Loading...