MENU

18/09/2021 às 11h27min - Atualizada em 18/09/2021 às 11h27min

Divulgado o resultado final do Revalida 2020

Participantes podem conferir se foram aprovados por meio do sistema do exame. Prazo para indicar a universidade que irá revalidar o diploma vai até a próxima segunda-feira (20)

Matheus Ferrari
Assessoria de Comunicação Social do INEP

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) divulgou o resultado final da prova de habilidades clínicas do Exame Nacional de Revalidação de Diplomas Médicos Expedidos por Instituição de Educação Superior Estrangeira (Revalida) 2020. Os participantes podem conferir se atingiram a pontuação necessária, por meio do Sistema Revalida. Juntamente com os resultados, o Instituto disponibilizou as devolutivas sobre os recursos referentes ao resultado preliminar desta segunda etapa, divulgado no dia 27 de agosto. 

Os participantes aprovados estão aptos a prosseguir com o processo de revalidação junto a uma das instituições de educação superior parceiras. A lista das universidades que firmaram termo de adesão ao exame pode ser acessada no portal do Inep e no Sistema Revalida. O período de indicação vai até a próxima segunda-feira, 20 de setembro.

Na edição de 2020 foram aprovados 1.087 médicos formados fora do Brasil. Esse número corresponde a 45,3% dos participantes da 2ª etapa e a 7% dos inscritos na 1ª etapa do Exame. Veja as taxas de participação e aprovação das últimas edições do Revalida:

 

Participação e aprovação no Revalida, edições 2011 a 2020

Edição

Inscritos

Aprovados

1ª Etapa

Aprovados

2ª Etapa

Percentual Aprovação

(Aprovados/Inscritos)

2011

536

96

65

12,1%

2012

782

98

77

9,8%

2013

1.595

155

109

6,8%

2014

1.999

843

652

32,6%

2015

3.993

2.009

1.638

41,0%

2016

6.162

2.380

1.531

24,8%

2017

7.380

963

389

5,3%

2020

15.580

2.402

1.087

7,0%

TOTAL

38.027

8.946

5.548

14,6%

Reprovação – Caso o participante tenha reprovado nesta segunda etapa, ele poderá se reinscrever diretamente nessa etapa pelas duas próximas edições do exame. A diretriz é uma novidade do Revalida 2020. Anteriormente, era necessário realizar todo o processo desde o início.

Aplicação – O Inep aplicou a segunda etapa do Revalida 2020 nos dias 10 e 11 de julho, em 13 cidades brasileiras. O exame foi estruturado em um conjunto de dez estações, percorridas ao longo dos dois dias de provas, nas quais os participantes realizaram tarefas específicas das áreas determinadas. Elas poderiam incluir investigação de história clínica, interpretação de exames, formulação de hipóteses diagnósticas, demonstração de procedimentos médicos, aconselhamento a pacientes ou familiares, entre outros. 

Etapas – O Revalida é composto por duas etapas (teórica e prática) que abordam, de forma interdisciplinar, as cinco grandes áreas da medicina: clínica médica, cirurgia, ginecologia e obstetrícia, pediatria e medicina da família e comunidade (saúde coletiva). Para participar da segunda etapa, é necessário ter sido aprovado na primeira, cuja aplicação contemplou as provas objetiva e discursiva. 

Revalida – Aplicado pelo Inep desde 2011, o Revalida busca subsidiar a revalidação, no Brasil, do diploma de graduação em medicina expedido no exterior. As referências do exame são os atendimentos no contexto de atenção primária, ambulatorial, hospitalar, de urgência, de emergência e comunitária, com base na Diretriz Curricular Nacional do Curso de Medicina, nas normativas associadas e na legislação profissional. O objetivo é avaliar as habilidades, as competências e os conhecimentos necessários para o exercício profissional adequado aos princípios e necessidades do Sistema Único de Saúde (SUS).


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Loading...