MENU

16/06/2021 às 00h00min - Atualizada em 16/06/2021 às 00h00min

Coluna do Lima Rodrigues

 

Prova de Três Tambores em Rio Maria – PA

O sol estava se pondo na noite de sexta-feira, 11 de junho, quando amazonas e cavaleiros e famílias começavam a chegar ao Haras Santos Reis, no município de Rio Maria, no sul do Pará, para participarem de uma Prova de Três Tambores.
Antes da abertura do evento, houve apresentação das premiadas mulas do Haras Santos Reis. Participaram da competições cavaleiros e amazonas de Rio Maria, Xinguara, Marabá, Parauapebas, Novo Repartimento, entre outras cidades do Pará.
O pecuarista e empresário Roberto Paulinelli, proprietário do haras, agradeceu a presença de todos e desejou sucesso aos participantes. A filha do empresário, Bruna Paulinelli, coordenadora geral da Prova de Tambor, também agradeceu a presença de todos.
Ganha a Prova de Tambor o cavaleiro ou amazona que contornar os três tambores, sem derrubá-los, no menor tempo possível, ou seja, em frações de segundos. Quando o tambor é derrubado, a prova é considerada sem aproveitamento. E há quem se torne líder parecendo gente grande, como o Iago Martins, do Haras Arataú, de Novo Repartimento (PA), e Letícia Bernadete, do A&L Rancho, de Parauapebas (PA).

Campeões

Na noite de sexta-feira, 11 de junho, os participantes da Prova de Tambor disputaram o Teste Horse.
Letícia Bernadete, do A&L  Rancho, conquistou o primeiro lugar com 18 segundo 447 milésimos. Rogério Rios, do Rancho DM, ficou em segundo lugar e Izabel Cristina, do Haras Posto Líder, com o terceiro lugar.
Na categoria aberta, o campeão foi Iago Martins, do Haras Arataú, de Novo Repartimento, com 18 segundos e 219 milésimos. E Lucas Ribeiro, do Haras Santos Reis, de Rio Maria, conquistou o segundo e o terceiro lugares.
E na categoria Jovem, Iago Martins, do Haras Arataú, ficou com o primeiro e o segundo lugares. E Lucas Ribeiro, do Haras Santos Reis, conquistou o terceiro lugar.
No sábado, dia 12 de junho, a competição começou cedo no Haras Santos Reis
Na categoria Baby o vencedor foi João Pedro Ribeiro, do Haras Rancho JR. Em segundo lugar ficou Amanda Cecília, também do Rancho JR e terceiro lugar João Henrique Camargo, do CT Dalvan Costa, de Rio Maria, no Pará.
Na categoria Mirim, que conquistou o primeiro lugar foi Vitória Ribeiro, do Haras Santos Reis. João Roberto Paulinelli, também do Haras Santos Reis, ficou com o segundo lugar e Giovana Gil, do Haras Posto RM e Filhos, conquistou o terceiro lugar.
O Iago Martins, do Haras Arataú, de Marabá, levou o primeiro e o segundo lugares na categoria Jovem, com 18 segundos e 099 milésimos. O terceiro lugar foi conquistado por Lucas Ribeiro, do Haras Santos Reis.
E na categoria feminina Letícia Bernadete, montando o animal Real Tafeme, do A&L Rancho, de Parauapebas, conquistou o primeiro lugar com o tempo de 18 segundos e 150 milésimos. Renata Bandeira, do Haras União, ficou em segundo lugar e Isabel Cristina Barros, do Haras Santos Reis, em terceiro lugar.
Depois houve a entrega da premiação da noite e, claro, entrevistas com os campeões.

PROVA DE LAÇO

A Primeira Etapa do Campeonato Sul Paraense de Laço em Dupla foi realizada dia 12 de junho no Haras Santos Reis, em Rio Maria, no sul do Pará.
Os 40 competidores, de vários municípios do Pará, entraram elegantemente com seus cavalos, éguas e mulas à pista do Haras, com a expectativa da vitória.
A entrada das bandeiras é feita com muita classe. Primeira, a bandeira do Real Ranch, de Xinguara, depois a bandeira do estado do Pará e em seguida, sob aplausos, a Bandeira do Brasil. Teve o momento de oração e a execução do Hino Nacional Brasileiro.
O evento contou com a presença do empresário e pecuarista Roberto Paulinelli, proprietário do Haras Santos Reis; do ex-prefeito de Xinguara, Osvaldinho Assunção; do presidente do Sindicato Rural de Rio Maria, Gilmar do Posto, e dos pecuaristas pioneiros na região Nedito e Roque Quagliato, entre outros convidados.
Roberto Paulinelli agradeceu a presença de todos e desejou sucesso aos competidores. Osvaldinho Assunção também saudou os competidores e desejou felicidade aos competidores. E o coordenador da competição, Cairon Dantas, agradeceu o apoio do pecuarista Roberto Paulinelli para a realização do evento.

Regras

O amor pela Prova de Laço começa desde criança quando a garotada aprende a laçar em um cavalinho de brinquedo e depois vai se aperfeiçoando e participando das provas.
Faz mais pontos a dupla que conseguir laçar o animal quase que simultaneamente na cabeça e nos pés. Tem que haver uma verdadeira sincronia entre o cabeceiro e o laceiro. Se não houver essa sequência, ou seja, primeira o laço da cabeça e depois o laço dos pés do animal, a participação é considerada sem aproveitamento. E há aquelas duplas que estão bem entrosadas e fazem ótimas laçadas.

Campeões

Após a longa disputa, houve a premiação dos campeões da noite, ou seja, os classificados para a próxima etapa do Campeonato Sul Paraense de Prova de Laço em Dupla, dia 14 de agosto, no Rancho Felipe, na Vila Nova Canadá, no município de Água do Azul do Norte.

Os classificados foram:

1º lugar: Lucas Abrantes e Flávio Mendonça
2º lugar: Rafael Crivelli e Flávio Mendonça
3º lugar: Rafael Crivelli e João Pedro Galon
4º lugar: Lucas Emanuel e Higuy Cesar
5º lugar: Lucas Abrantes e Higuy Cesar
6º lugar: Jordame Galon e Caio Vitor
7º lugar: Jordame Galon e Flávio Mendonça.

O organizador da prova, Cairon Dantas, parabenizou todos os participantes pelo alto nível da prova e agradeceu o apoio do empresário e pecuarista Roberto Paulinelli para a realização da Etapa do Campeonato Paraense de Laço em Dupla no Haras Santos Reis, em Rio Maria (PA).

Agradecimento

A cobertura jornalística do Conexão Rural da Prova de Tambor e da Primeira Etapa do Campeonato Sul Paraense de Laço, no Haras Santos Reis, em Rio Maria, no Pará, contou com o patrocínio do Frigorífico Rio Maria (Roberto Paulinelli); Valeu Boi Leilões, de Rio Maria (Dirceu Remor); Sindicato Rural de Rio Maria (Gilmar do Posto); Aleatory Moda Masculina, no Partage Shopping em Parauapebas (Hipólito Gomes); A&L Rancho Parauapebas (Luciano Lima); Darlan Oliveira, da Fazenda Boi Gordo, em Canaã dos Carajás, e Auto Posto RM e Filhos (Dr. Jhansley) em Parauapebas.

Muito obrigado a todos.

A cobertura completa da Prova de Tambor e da etapa do Campeonato Sul Paraense de Laço será destaque no próximo fim de semana no Conexão Rural.
Link
Relacionadas »
Comentários »
Loading...