MENU

26/05/2021 às 00h00min - Atualizada em 26/05/2021 às 00h00min

Bastidores

Investigação 

O prédio da Câmara Municipal de Imperatriz continua com alguns setores lacrados por determinação da justiça, devido às investigações que estão sendo feitas pelo Grupo de Atuação Especial de Combate às Organizações Criminosas (Gaeco), do Ministério Público Estadual. Na tarde de quarta-feira passada, quando já havia encerrado o expediente, policiais civis chegaram à Câmara e solicitaram acesso a alguns setores da administração. A Assessoria de Comunicação da casa esclareceu que a Polícia estava cumprindo ordem judicial, “relacionada a supostas irregularidades da gestão anterior (2017-2020)”. Consta que as investigações estariam girando em torno, entre outras coisas, da suposta existência de funcionários fantasmas. Três servidores que exerciam cargo de chefia estão afastados e consta que pode sobrar até para a cabeça de vereadores, inclusive com afastamento. O tempo está “quente” no Palácio da rua Simplício Moreira. Novos capítulos dessa assombrosa novela devem aparecer nos próximos dias. É aguardar.

E…

Tem o velho ditado de que “quem com ferro fere, com ferro será ferido”. Assim está acontecendo na política da Terra do Frei. A política é dinâmica e quem estava apanhando hoje está aproveitando o momento para ir à forra contra os algozes. Lamentável tripudiar sobre os problemas dos outros, mas a política nunca deixa de ser uma “guerra”, especialmente quando é época eleitoral. 
- E que ovo não entre em briga de pedra! 

Esquentou!

Não chame para a mesma mesa a OAB-MA e o deputado estadual Duarte Junior (Republicanos). Na semana passada a entidade divulgou uma nota de repúdio contra o parlamentar, presidente da CPI dos Combustíveis. É que o advogado Sidney Filho denunciou que teve suas prerrogativas violadas na CPI. Ontem o presidente da seccional maranhense da OAB, Thiago Diaz, se reuniu com o advogado. Para a OAB, “a ameaça de retirar o advogado da CPI pelo parlamentar se configura como uma grave violação de prerrogativas tendo em vista que conforme dispõe a Constituição Federal em seu artigo 133, o advogado é indispensável à administração da justiça, sendo inviolável por seus atos e manifestações no exercício da profissão, nos limites da lei”.
- Vale destacar que Duarte Junior é advogado.

Olha aí!

Ontem, um atento observador abordou o colunista para falar sobre uma nota relacionada ao Panelódromo, que foi construído para receber as vendedoras de panelada das Quatro Bocas, mas que várias continuam no mesmo local. Se recusam a ir para o Panelódromo. A preocupação do observador é que a mesma coisa possa acontecer em relação ao shopping popular que está sendo feito também na antiga Praça Tiradentes. Quantos camelôs vão trocar calçadas da movimentada Getúlio Vargas pelo shopping? O então prefeito Davi criou o Camelódromo na Praça Tiradentes para retirar vendedores ambulantes do centro comercial. O resultado, todo mundo sabe!

Vacinação

Conforme o secretário de Estado da Saúde, Carlos Lula, com o recebimento de 300 mil novas doses de vacinas contra a Covi-19, reforço enviado pelo Ministério da Saúde, será garantida a vacinação até de grupo acima dos 40 anos nos quatro municípios da Ilha. Enquanto isso, Imperatriz não sai da faixa do 60 anos, desde o início de maio. A vacinação está acontecendo somente de grupos prioritários…

Ela disse

“A responsabilidade... da doença é o vírus, senador, não é o Ministério da Saúde”. A afirmação foi feita pela secretária de Gestão do Trabalho e da Educação do Ministério da Saúde,  Mayra Pinheiro, em depoimento na CPI da Covid, ontem.   
Link
CORIOLANO FILHO

CORIOLANO FILHO

CORIOLANO Miranda Rocha FILHO, passou a comandar a Redação depois de ter passado por praticamente todos os setores do jornal.

Tags »
Relacionadas »
Comentários »
Loading...