MENU

14/04/2021 às 00h00min - Atualizada em 14/04/2021 às 00h00min

Coluna do Lima Rodrigues

Agronegócio

Em um ano, a adoção de plataformas e canais digitais cresceu de 36% para 46% dos agricultores brasileiros


O uso de canais e plataformas digitais cresceu bastante e está cada vez mais presente na jornada de decisão dos agricultores de todas as regiões do país, é o que aponta a edição 2021 da pesquisa “A mente do agricultor brasileiro na era digital”, realizada pela McKinsey & Company. De acordo com o levantamento feito com cerca de 600 agricultores, a preferência por esses canais passou de 36% para 46% dos produtores, em 12 meses.

 Dos produtores ouvidos, metade deles está disposta a experimentar essas novas tecnologias com base em um modelo de negócio onde os ganhos de custo e/ou produtividade são compartilhados e vinculados ao desempenho da solução. Esse cenário comprova a performance do Farmbox, software de gestão de propriedades rurais, que teve um aumento de 35% na sua base ativa de clientes em 2020.

 O Farmbox é uma plataforma completa de gestão de fazendas, que compila dados e informações de campo como: estoques de insumos; mapas de infestação de pragas; frequência de monitoramento de cada talhão; agenda de aplicações; pluviometria; previsão de colheita e de custos de produção, de produtividade e rentabilidade total ou por talhão, entre outros, para o planejamento completo de cada safra.

Resultados

 O Grupo Ouro Verde produz soja e milho em Mato Grosso e é cliente do Farmbox há dois anos. De acordo com a coordenadora de gestão agrícola do Grupo, Mariana Silva, o Farmbox tornou-se uma ferramenta essencial para um bom desenvolvimento e planejamento de gestão no campo. “Me ajuda a programar e alinhar as atividades das pessoas que estão na fazenda, tanto com a data de aplicação como a de monitoramento e também o retorno do lançamento do trabalho deles, para eu poder fazer as análises e saber como está a fazenda mesmo quando não estou presente”, explica.

 Mariana conta que antes fazia a gestão com planilhas, mas não conseguia ver e saber exatamente o que estava acontecendo em tempo real. “Eu planejo a semana, daí hoje se o pessoal não sincronizar as informações no final do dia, eu vou saber que aconteceu alguma coisa na fazenda e o time não rodou. Antigamente com as planilhas eu não conseguia saber isso porque não tinha acesso a essas informações estando longe, então era bem desafiador.”

 A coordenadora ressalta também que os históricos dos talhões são muito importantes, pois é possível comparar com as safras anteriores. “Por exemplo, com o atraso de chuva para o plantio em setembro eu consegui comparar com o setembro do ano passado. Na colheita desse ano que teve muita chuva, consegui comparar com o mesmo período do ano passado. Esse ano também tive alteração em alguns produtos de manejo e eu entrava no talhão do ano passado e pegava fotos e comparava com as fotos desse ano e muitos outros diversos dados”, orienta Mariana.

 O retorno do investimento no Farmbox é certo. “Eu recomendo a ferramenta para todo produtor preocupado com gestão. Evitar e prever problemas, além de conseguir agir o mais rápido possível, é fundamental para garantir a rentabilidade das fazendas.” (Flávia Romanelli – SP).

 4º Leilão Virtual Nelore Serilon T7 e Parceiros oferta Nelore com genética selecionada

 No próximo sábado (17 de abril), às 13h (horário de Brasília), a Fazenda Rancho D’Água (PR), realiza o 4º Leilão Virtual Nelore Serilon T7 e Parceiros. Serão ofertadas bezerras, novilhas de alto nível genético, prenhezes, aspirações das principais doadoras do plantel Serilon e parceiros, além de uma bateria de bezerros e garrotes com excelente conformação de carcaça e avaliação genética. Ao todo serão 180 cabeças.

“Os animais que iremos ofertar nesse leilão, tem genética das melhores doadoras e dos principais reprodutores da raça Nelore. Fêmeas e Machos Super Precoces, com avaliação genética do PMGZ e com os critérios de seleção que adotamos em nosso plantel”, afirma Cássio Tottene, proprietário da Fazenda Rancho D’Água e Nelore Serilon.

Devido a quarentena consequente da pandemia da Covid-19, o leilão será virtual e transmitido pelo Canal Rural. O evento tem a chancela da Associação dos Criadores de Nelore do Brasil (ACNB), que representa a raça bovina de corte de maior importância no país.

 A leiloeira responsável será a Programa Leilões com assessoria da JCJ, Premier e Eficience.

Leilões oficiais

Os criadores que oficializam seus leilões na ACNB demonstram visão e comprometimento, contribuindo em prol do fortalecimento e valorização da raça Nelore e de seu próprio negócio. Através da oficialização, o promotor do leilão contribui com o valor equivalente a 1 salário mínimo para a ACNB e, em contrapartida, tem o seu leilão divulgado entre todos os associados e toda a rede de relacionamentos da Associação, fortalecendo sua comunicação e ampliando o alcance de potenciais investidores. Os recursos arrecadados com a oficialização de leilões são integralmente aplicados pela ACNB, e pelas Associações Regionais do Nelore conveniadas, em ações de promoção da genética e da carne Nelore. (Texto Comunicação Corporativa – SP).

Geosys Brasil e Traive firmam parceria para integrar gestão de crédito e monitoramento de risco agrícola em plataforma única

A Geosys Brasil, empresa pertencente à EarthDaily Analytics, que desenvolve soluções para agricultura a partir de dados de imagens de satélite e modelos meteorológicos, e a Traive, agfintech voltada à estruturação, modelagem e distribuição de soluções financeiras para o agronegócio, anunciam uma parceria de dados e desenvolvimento de produtos com objetivo de integrar soluções e aumentar a exatidão das análises de riscos agrícolas no processo de gestão de crédito.

Além do fornecimento de dados para incorporação nas análises, a parceria permitirá que os serviços de monitoramento por sensoriamento remoto, por meio da plataforma de satélites da Geosys, sejam oferecidos pelo portal da Traive. Com isso, o usuário terá um raio-X com informações detalhadas da área cultivada em tempo real, facilitando a tomada de decisões para crédito e seguro e também para o manejo da lavoura, planejamento climatológico, investimentos, entre outros.

Durante todo o ciclo de desenvolvimento da lavoura, agricultores são expostos aos mais diversos tipos de riscos e, por isso, instituições buscam mitigar esses riscos por meio de dados e análises preditivas, para minimizar impactos ao longo de toda a cadeia. A Traive utilizará dados climáticos e de sensoriamento remoto fornecidos pela Geosys em seus algoritmos de Inteligência Artificial para ajudar instituições financeiras e tomadores de crédito a melhorar e dar mais agilidade ao processo de análise, concessão e gestão do portfólio.

Segundo Gustavo Libardi, gerente de Negócios na América Latina da Geosys Brasil, é importante ressaltar a agilidade que o sistema digital de dados dará ao monitoramento da garantia, por meio de alertas automáticos para melhor acompanhamento do portfólio e antecipação de possíveis impactos causados por eventos climáticos ou fraudes. “Este acordo tornando a solução oferecida pela Geosys mais alinhada à tomada de decisão de gestão e risco e maximizando o conceito one-stop-shop (múltiplos produtos e serviços integrados) de crédito da Traive”, diz Libardi. (Janete Galbiati, da Carol Silveira Assessoria de Comunicação – SP).

Destaques do Conexão Rural do próximo fim de semana (TV Web O Progresso):

Fazenda Cachoeira, em Itaberá (SP), é modelo em se tratando de pecuária de corte;

Piscicultura Cristalina, de Fartura (SP), avança na produção de tilápia;

Teremos ainda o comentário do jornalista Antônio Reche, especialista em agronegócio.

Na parte musical teremos a dupla goiana João Neto e Frederico......

E em homenagem ao estado do Tocantins, vamos apresentar a música de Thim Moraes (Palmas) e Anália (Araguaína).

Vacina Sim. Fique em casa. Use máscara.
Link
Tags »
Relacionadas »
Comentários »
Loading...