MENU

10/02/2021 às 00h00min - Atualizada em 10/02/2021 às 00h00min

Bastidores


Mais bicadas
A cada dia uma bicada no ninho do desarrumado PSDB. Depois do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso tecer fortes críticas ao partido, para quem “está sem rumo”, agora é a vez do governador de São Paulo, João Dória, defender o afastamento do deputado federal Aécio Neves do PSDB. Para Dória e aliados, o parlamentar mineiro é responsável pela articulação que resultou na vitória de Arthur Lira (PP) na eleição para a presidência da Câmara dos Deputados. Lira teve o apoio do Palácio do Planalto. “O PSDB não deve abrir espaço para ações desse tipo”, observou o governador paulista. Não seria prejuízo para o partido a perda de Aécio Neves, porque depois de sua candidatura à Presidência da República, em 2014, se tornou sem moral, em função das denúncias que pipocaram contra ele, estando respondendo a nove processos no STF por suspeita de envolvimento em casos como o da JBS, Odebrecht e Furnas. Como se vê, o ninho tucano desarrumou de vez após a eleição da Câmara. Aguardem novos capítulos.

Prego batido
O encontro realizado pela Federação dos Municípios do Estado do Maranhão (Famem) em Imperatriz praticamente selou a eleição do prefeito Assis Ramos (DEM) como presidente da Associação dos Municípios da Região Tocantina (AMRT), uma entidade importante mas que deve levar uma chacoalhada, porque hoje está praticamente acéfala. Assis já teria o apoio da maioria dos prefeitos associados e agora é preparar a chapa para a eleição, que acontece na próxima sexta-feira. O presidente da Câmara, Alberto Souza, está engajado na campanha do prefeito, o que revela que Assis Ramos tem o apoio do senador Weverton Rocha (PDT), de quem o vereador é o porta-voz em Imperatriz.

E…
O interesse de Assis Ramos ser o presidente da AMRT faz parte do projeto de ganhar maior visibilidade no estado objetivando voo mais alto na sua carreira política. Por enquanto, Assis não demonstra interesse em ser candidato em 2022, porque a pretensão seria concluir o segundo mandato de prefeito. Portanto, esperaria 2026. Mas já para a eleição do próximo ano pode lançar a esposa, Janaina Ramos, como candidata a deputada estadual. É aguardar.

Reativação 
Ontem o governador Flávio Dino (PCdoB) anunciou que “nas próximas semanas vamos abrir mais 100 leitos para casos de coronavírus”. Também reforçou o pedido para que “todos adiram às medidas preventivas, sobretudo ao uso de máscaras”. Na verdade, o governo vai apenas repor as UTIs que desativou depois que houve uma propalada redução no caso de coronavírus no estado, agora novamente em alta. Flávio Dino anunciou também que ingressará com uma ação no Supremo Tribunal Federal (STF) para obrigar o Ministério da Saúde a reabilitar leitos de UTI custeados pelo Sistema Único de Saúde (SUS), destinados a pacientes com Covid-19. 

Vaga 
O conselheiro do TCE-MA, Nonato Lago, completa 75 anos no dia 8 de setembro e entra na aposentadoria compulsória. Para o seu lugar já vem sendo especulado o nome do deputado estadual licenciado Marcelo Tavares, atual chefe da Casa Civil. Nos TCEs, boa parte dos conselheiros é de políticos. Há um Projeto de Lei Complementar (PLP 171/19) que torna inelegíveis a cargos eletivos o cônjuge e parentes de membros do Tribunal de Contas da União (TCU) e de membros de tribunais de contas de estados e de municípios. A medida se aplica a qualquer cargo na jurisdição onde atua o membro do tribunal. São impactados pela medida, além do cônjuge, parentes consanguíneos ou afins, ate´ o segundo grau ou por adoção. O projeto é de autoria do deputado Fábio Reis (MDB-SE).
Link
CORIOLANO FILHO

CORIOLANO FILHO

CORIOLANO Miranda Rocha FILHO, passou a comandar a Redação depois de ter passado por praticamente todos os setores do jornal.

Tags »
Relacionadas »
Comentários »
Loading...