MENU

28/10/2020 às 00h00min - Atualizada em 28/10/2020 às 00h00min

Coluna do Lima Rodrigues

Agronegócio

 

Produtores rurais de vários municípios participaram do leilão de gado em Itupiranga (PA)

Produtores rurais de vários municípios participaram do leilão de gado em Itupiranga (PA)

ITUPIRANGA SE DESTACA EM LEILÕES

O município de Itupiranga, a 50km de Marabá, no Pará, fundado há 73 anos e com uma população estimada em quase 70 mil habitantes, conta hoje com cerca de 600 mil cabeças e cerca de cinco mil produtores rurais, especialmente pecuaristas.
O Sindicato Rural de Itupiranga vem promovendo há mais 30 anos importantes leilões, e nos últimos anos os leilões mensais, geralmente nas últimas segundas-feiras de cada mês, têm chamado a atenção de pecuaristas de vários municípios do Pará, do Maranhão e do Tocantins, devido à qualidade da genética dos animais, além de movimentar a economia do município.
Adepará - O leilão realizado na segunda-feira, 26 de outubro, teve uma atração especial: uma palestra da médica veterinária Letícia Valverde, da Agência de Defesa Agropecuária do Estado do Pará (Adepará), sobre o Plano Estratégico do Programa Nacional de Erradicação da Febre Aftosa, o Pnefa. A Dra. Letícia fará palestra sobre o mesmo tema nesta quinta-feira (29) em Parauapebas; dia 3 de novembro no Sindicato Rural de Nova Ipixuna; dia 19 de novembro, durante a Feagro – a Feira de Agronegócio em Marabá; dia 20 de novembro na Feira do Produtor em Eldorado do Carajás e dia 22 de novembro na APA do Gelado em Parauapebas, para os pequenos produtores rurais daquela região.

Letícia Valverde, médica veterinária da Adepará, tem feito palestras sobre o Plano Nacional de Erradicação da Febre Aftosa

Letícia Valverde, médica veterinária da Adepará, tem feito palestras sobre o Plano Nacional de Erradicação da Febre Aftosa

OBJETIVOS DO PNEF

O Pnefa tem como principal objetivo criar e manter condições sustentáveis para garantir o status de país livre da febre aftosa e ampliar as zonas livres de febre aftosa sem vacinação, protegendo o patrimônio pecuário nacional e gerando o máximo de benefícios aos atores envolvidos e à sociedade brasileira, de acordo com o ministério da Agricultura.
Ainda segundo o ministério, o Plano foi delineado para ser executado em um período de 10 anos, iniciando em 2017 e encerrando em 2026. Está alinhado com o Código Sanitário para os Animais Terrestres, da Organização Mundial de Saúde Animal – OIE – e com as diretrizes do Programa Hemisférico de Erradicação da Febre Aftosa, convergindo com os esforços para a erradicação da doença na América do Sul.
Produtores rurais do município de outras regiões ouviram atentamente as explicações da representante da Adepará. A Dra. Letícia disse que “as palestras são importantes porque a classe produtora precisa estar ciente dos ricos e benefícios da retirada contra a febre aftosa no Pará e no Brasil”.

Kaio Rodrigues, presidente do Sindicato Rural de Itupiranga, disse que os leilões movimentam mensalmente a economia do município

Kaio Rodrigues, presidente do Sindicato Rural de Itupiranga, disse que os leilões movimentam mensalmente a economia do município

GERALDINHO

O Gerente Regional da Adepará em Marabá, Geraldo Teotônio Pereira, o “Geraldinho”, destacou que “as palestras têm como objetivo alertar a classe produtora sobre a retirada da vacina contra a febre aftosa e deixar claro que a medida abrirá mais mercados externos para os pecuaristas do Pará e do Brasil”.
Geraldinho acrescentou que “o Pará está se preparando com responsabilidade para a retirada da vacinação contra febre aftosa”. Ele aproveitou para dizer que “a 2ª etapa da vacinação contra a febre aftosa que começa neste domingo, dia 1º de novembro no Pará e em quase todo o Brasil e que os produtores têm até o dia 15 de dezembro para apresentar os comprovantes à Adepará”. O mesmo deve ocorrer no Maranhão.
O presidente do Sindicato dos Produtores Rurais de Itupiranga, Kaio Rodrigues, também concorda que “o Brasil ficando livre de febre aftosa sem vacinação, os produtores rurais terão novos mercados no exterior”. E acrescenta: “Por isso, os pecuaristas têm colaborado e vacinado o rebanho bovino e bubalino”.

Lima Rodrigues gravou o Conexão Rural em Itupiranga

CONEXÃO RURAL

O evento em Itupiranga é um dos destaques do Conexão Rural dos dias 31 de outubro (sábado) e 1º de novembro (domingo) na Rede TV de Parauapebas (PA) e nos portais parceiros, entre os quais O Progresso, de Imperatriz.

O programa traz ainda outras matérias interessantes - Começa neste domingo, 1º de novembro, a 2ª etapa da campanha de vacinação contra a febre aftosa de 2020; Sindicato dos Produtores Rurais de Itupiranga, no Pará, promove mais um leilão de gado; Vamos falar também sobre os avanços da genômica no Girolando. A  reportagem é da jornalista Larissa Vieira, assessora de imprensa da Associação Brasileira dos Criadores de Girolando, com sede em Uberaba (MG).
Teremos ainda o comentário do advogado Luiz Gustavo Garcia, de Marabá (PA), especialista em direito agrário. Na parte musical, muita moda de viola, da autêntica.
O Conexão Rural tem produção e apresentação do jornalista Lima Rodrigues; imagens: Pezão, LR Produções e Assessoria de Imprensa da Associação Brasileira dos Criadores de Girolando (ABCG). Edição: João Pezão Filho. Assistente de Produção: Ana Cláudia Aragão. Direção-geral da Rede TV de Parauapebas: Genésio Filho.

Fotos:
   Ana Cláudia Aragão  

Link
Relacionadas »
Comentários »
Loading...