MENU

08/10/2020 às 00h00min - Atualizada em 08/10/2020 às 00h00min

Bastidores

CORIOLANO FILHO

CORIOLANO FILHO

CORIOLANO FILHO, passou a comandar a Redação depois de ter passado por, praticamente, todos os setores do jornal. - [email protected]


Lista
O Tribunal de Constas do Estado do Maranhão (TCE-MA) já teria enviado ao Tribunal Regional Eleitoral (TRE) a lista com os nomes de gestores e ex-gestores que tiveram contas rejeitadas. São os chamados “fichas sujas”, que podem ter a candidatura barrada pela Justiça Eleitoral. É aguardar a divulgação da lista pelo TRE, se é que vai acontecer. Mas de acordo com dados do Tribunal de Contas da União (TCU), o Maranhão possui 658 gestores com 1.338 contas julgadas rejeitadas. O estado é o primeiro no País com o maior número de administradores públicos nessa situação. O segundo é São Paulo, com 599 gestores e 857 contas.

Sem quorum
Ontem, quarta-feira, a Câmara Municipal de Imperatriz não realizou sessão por falta de vereadores. É a segunda vez na semana que isso acontece. Como se sabe, a Câmara só realiza três sessões na semana – terça, quarta e quinta-feira. Os vereadores estão em campanha à reeleição e pouco ligando para sessão, que normalmente acontece das 9h às 12h. Até a eleição, em 15 de novembro, será assim.

Olha aí!
Sumido da movimentação política, o ex-vice-prefeito de Imperatriz, Gean Carlo Pereira Almeida, ressurge como novo superintendente regional de Articulação do Governo do Estado. A nomeação saiu no Diário Oficial de ontem. O cargo estava desocupado desde que Adonilson Lima se desincompatibilizou para ser candidato a vereador. Filiado ao PDT, Gean Carlo foi vice no primeiro mandato do ex-prefeito Sebastião Madeira.

Fora
Ontem juiz federal aposentado José Carlos Madeira (Solidariedade) anunciou que desistiu da sua candidatura a prefeito de São Luís. Ele alegou problema de saúde, já que recentemente contraiu Covid-19 e ainda sente desconforto respiratório. Entende-se a atitude de Carlos Madeira, mas é ruim para quem está começando a carreira política. Ele até não poderia ganhar a eleição, mas a campanha serviria para massificar seu nome às próximas eleições, já que devido à sua função de magistrado era pouco conhecido no meio popular.

E…
O juiz aposentado José Carlos Madeira é o segundo candidato a prefeito de São Luís que sai do páreo. O primeiro foi o deputado estadual Adriano Sarney (PV). Até ontem o partido ainda não havia definido quem vai apoiar.

Desafinados?
Os secretários de Estado da Saúde e da Educação não estão falando a mesma língua. Felipe Camarão (Educação) descartou a retomada das aulas presenciais neste ano, depois de uma consulta entre estudantes, pais e professores. Mas Carlos Lula (Saúde) mostra que dados apontam para a irrelevância do número de casos de coronavírus em escolas. “É completamente irrelevante o número de casos considerando o número de alunos, professores e funcionários. Precisamos fazer o debate sobre educação pública porque só estamos aumentando o fosso entre ensino público e privado”, afirmou o secretário.

Atirando
Ontem, o governador Flávio Dino (PCdoB) usou suas redes sociais para criticar o governo Bolsonaro. “Inacreditável que, por razões puramente eleitoreiras, o governo federal esteja adiando todas as definições econômicas para depois de 15 de novembro. E ainda haverá 2º turno. Desemprego, câmbio, inflação de alimentos, tudo vai ser solucionado em poucas semanas antes do Natal?”, questionou Flávio Dino.
Link
Tags »
Leia Também »
Comentários »