MENU

21/01/2022 às 00h00min - Atualizada em 21/01/2022 às 00h00min

Bastidores

 
Origem de recursos

Conforme normas do TSE, os valores destinados às campanhas eleitorais, respeitados os limites previstos, somente serão admitidos quando provenientes de: recursos próprios dos candidatos; doações financeiras ou estimáveis em dinheiro de pessoas físicas; doações de outros partidos e de outros candidatos; comercialização de bens e/ou serviços ou promoção de eventos de arrecadação realizados diretamente pelo candidato ou pela agremiação política; e rendimentos gerados pela aplicação de suas disponibilidades. Também serão admitidos recursos próprios das legendas, desde que identificada a origem e que sejam provenientes do Fundo Partidário; do Fundo Especial de Financiamento de Campanha (FEFC); de doações de pessoas físicas efetuadas aos partidos; de contribuição dos filiados; da comercialização de bens, serviços ou promoção de eventos; e de rendimentos decorrentes da locação de bens próprios das siglas. Segundo ainda a norma, é vedado a partido e a candidato receber, direta ou indiretamente, doação em dinheiro ou estimável em dinheiro, inclusive por meio de publicidade de qualquer espécie, procedente de pessoas jurídicas, de origem estrangeira e de pessoa física permissionária de serviço público. A configuração da fonte vedada não depende da nacionalidade do doador, mas da procedência dos recursos doados.

Saindo  

O secretário de Estado da Infraestrutura, Clayton Noleto, teria dito a aliados – e não pediu segredo – que pode mesmo deixar o PCdoB para se filiar ao PSB, no qual já está o governador Flávio Dino. Clayton é pré-candidato a deputado federal e estaria vendo um cenário melhor disputando a eleição pelo Partido Socialista Brasileiro. É aguardar.

E…

O vice-governador Carlos Brandão vai ou não trocar PSDB pelo PSB? A expectativa é grande no meio político. Em março do ano passado, ele deixou o PR e voltou para PSDB, inclusive assumindo a direção do partido, que estava sob o comando do senador Roberto Rocha. Mas agora Brandão está tendo a necessidade de deixar o ninho tucano para se filiar ao PSB. É que ele deseja ter o apoio do PT, mas o partido não aceita apoiá-lo sendo do PSDB. O próprio ex-presidente Lula já revelou a impossibilidade de apoio nessa situação. O problema de Brandão é deixar o PSDB e não ter a certeza de que vai segurar a sigla do seu lado.

Olhá aí!

Ao professor e jornalista Carlos Leen, o ex-vereador e bancário Ednardo Filgueiras revelou que será candidato a deputado federal pelo PT. Ele entende que a sigla faria dois deputados, caso integre uma federação partidária. Sem federação, faria dois e mais um na sobra. Ednardo foi vereador na legislatura 2001/2004, quando o prefeito era Jomar Fernandes.

Baixa

O Maranhão está somente com 51% da cobertura vacinal completa contra a Covid-19. Só não perde para Roraima, Amapá e Acre. O Piauí é o segundo estado em vacinação completa, atingindo 75,48% da população.

Números da pandemia

Boletim da Secretaria de Estado da Saúde (SES-MA), divulgado no final da tarde de ontem, registra 30  novos casos de Covid-19 em Imperatriz. Desde o início da pandemia já foram 21.627 casos. A SES não informa o número de mortes até agora, em Imperatriz. Dos 30 leitos de UTI, 17 estão ocupados (56,67%) e 13 livres. Dos 36 leitos clínicos, 27 estão ocupados (75,00%) e 9 livres. Já ocorreram 10.433 mortes no estado. Novos óbitos foram registrados nas seguintes cidades: Caxias (1) e São Luís (1).
Link
CORIOLANO FILHO

CORIOLANO FILHO

CORIOLANO Miranda Rocha FILHO, passou a comandar a Redação depois de ter passado por praticamente todos os setores do jornal.

Tags »
Leia Também »
Comentários »
Loading...