MENU

06/10/2021 às 22h28min - Atualizada em 06/10/2021 às 22h28min

Bastidores

 

Reação

A Frente Nacional de Prefeitos (FNP) e mais 120 entidades divulgaram nota repudiando relatório da PEC 110 e apresentam solução de consenso. O relatório foi apresentado nesta terça-feira pelo senador Roberto Rocha (PSDB-MA). A nota diz que “Prefeitas e prefeitos das cidades com mais de 80 mil habitantes, onde vivem mais de 60% da população e são produzidos 74% do Produto Interno Bruto (PIB) do país, bem como Secretários de Fazenda das capitais, Confederações que representam dezenas de milhões de trabalhadores, Federações, Associações e Entidades Empresariais de setores econômicos diversos que movimentam mais de 70% do PIB nacional, e Entidades de especialistas dos meios Jurídico, Contábil e de Administrações Tributárias, apoiam e trabalham por uma reforma tributária que simplifique impostos, melhore o ambiente de negócios e não aumente a carga para os contribuintes”. Defendem a necessidade de uma reforma que simplifique e desburocratize o sistema tributário nacional. Também que aumente a eficiência arrecadatória sem majorar a carga, previna a guerra fiscal, fomente a produtividade das empresas, mitigue a sonegação, reduza a regressividade e o impacto sobre a folha de pagamentos, de modo a estimular o empreendedorismo e a geração de emprego e renda. Destaca a nota que “mostram-se preocupantes as propostas de reformas disruptivas que não apresentem qualquer memória de cálculo segura, majorem significativamente a carga tributária dos setores econômicos que mais empregam, ou que afetem a autonomia financeira dos Entes federados. Nesse sentido, o relatório da PEC 110, apresentado pelo Senador Roberto, não apresentou avanços capazes de enfrentar as fortes divergências postas”.

Confirmado 

Em nota nas redes sociais, ontem o governador Flávio Dino (PSB) confirmou o nome do ex-prefeito Sebastião Madeira (PSDB) como o novo presidente da Companhia Maranhense de Gás (Gasmar). “O ex-deputado federal e ex-prefeito de Imperatriz, Sebastião Madeira, líder com grande experiência política e administrativa, passará a integrar o nosso governo, na condição de presidente da Gasmar”, anunciou Flávio Dino. A Companhia teve como presidente o ex-deputado e atual prefeito de Porto Franco, Deoclides Macedo, que saiu para disputar a eleição de 2020.

E…

O secretário de Estado da Infraestrutura, Clayton Noleto, se manifestou sobre a confirmação do nome de Madeira dizendo que “tenho certeza de que dará uma grande contribuição para o governo. E é mais um secretário da região Tocantina. Uma das marcas do governo Flávio Dino é a de dispor de pessoas de todas as regiões do Estado, permitindo uma visão abrangente do Maranhão”. Sebastião Madeira já anunciou que vai apoiar Clayton para deputado federal. 

Operação

O assunto que predominou nos meios políticos no Maranhão, ontem, foi a operação do Grupo de Atuação Especial no Combate às Organizações Criminosas (Gaeco) do Ministério Público do Maranhão contra supostas fraudes em licitações em alguns municípios que teriam beneficiado o deputado federal Josimar de Maranhãozinho (PL), que seria do quadro societário da empresa Águia Farma Distribuidora de Medicamentos Ltda. O deputado divulgou nota considerando a ação uma “operação espetaculosa” e “estranho episódio”. Ele negou que seja do quadro societário da empresa.

Motivação política 

Ainda na nota, Josimar do Maranhãozinho disse que “esperamos que o episódio não tenha motivações e conotações políticas, visando influenciar as questões eleitorais que se avizinham”. Ele é pré-candidato a governador. O deputado se colocou à disposição da justiça para “quaisquer esclarecimentos adicionais”.
 
Link
CORIOLANO FILHO

CORIOLANO FILHO

CORIOLANO Miranda Rocha FILHO, passou a comandar a Redação depois de ter passado por praticamente todos os setores do jornal.

Relacionadas »
Comentários »
Loading...