MENU

21/09/2021 às 00h00min - Atualizada em 21/09/2021 às 00h00min

Fora da Pauta

Imobiliário

O mercado imobiliário imperatrizense está aquecido mesmo em tempo de pandemia, garante a corretora de imóveis Luana Silva. Segundo ela, existem imóveis disponíveis à venda com preços facilitados na entrada e sem burocracia no financiamento bancário.

Acolhimento

O Ministério Público do Maranhão (MPMA) ajuizou, em 16 de setembro, Ação Civil Pública com pedido de liminar contra o Município de Cidelândia (termo judiciário de Açailândia) para garantir instalação de casa de acolhimento com, pelo menos, 20 vagas para adolescentes em situação de risco.

30 dias

Na ação, o titular da 2ª Promotoria de Justiça de Açailândia, Tiago Quintanilha Nogueira, requer que o Município viabilize, em 30 dias, imóvel em condições satisfatórias para o órgão de acolhimento, além de recursos materiais e humanos. Também solicita que, no mesmo prazo, sejam garantidas implantação e manutenção de programas educacional e profissionalizante para os jovens.

Estágio

A Suzano está com as inscrições abertas para o Programa de Estágio 2022. Conhecido como “Raízes do Futuro”, o programa será voltado para os estudantes com graduação prevista entre dezembro de 2022 e dezembro de 2023.  Ao todo, serão mais de 200 vagas para atuar nas áreas Florestal, Industrial e Corporativa da companhia. Imperatriz e Açailândia estão entre as cidades contempladas pelo programa.

Trânsito

O lançamento da Semana Nacional de Trânsito (SNT) foi feito ontem, segunda-feira (20), na Avenida Dorgival Pinheiro de Sousa, em frente à loja Economia, no Centro. Evento é realizado pela Secretaria Municipal de Trânsito e Transportes (Setran).

Propaganda

O Tribunal Regional Eleitoral do Maranhão (TRE/MA) mandou o deputado federal e pré-candidato a governador Josimar Cunha Rodrigues, o “Josimar de Maranhãozinho” (PL-MA), excluir de sua rede social as publicações que possam caracterizar propaganda eleitoral antecipada, em um prazo máximo de 24 horas. A liminar concedida pelo juiz Cristiano Simas de Sousa, atende ao pedido do procurador regional Eleitoral Juraci Guimarães, e estabelece multa diária de R$ 10 mil, em caso de descumprimento.

Evidenciam

O magistrado considerou que as publicações do pré-candidato na rede social Instagram evidenciam a realização de propaganda eleitoral antes do prazo estabelecido na legislação eleitoral, que é após o dia 15 de agosto do ano da eleição. Além disso, as postagens apresentam perigo de dano ao resultado do processo eleitoral ao influenciar de forma desigual a vontade do eleitorado e a competição entre os possíveis candidatos.
 
Link
WILLIAN MARINHO

WILLIAN MARINHO

WILLIAN MARINHO é colunista de política em O Progresso

Relacionadas »
Comentários »
Loading...