MENU

28/07/2021 às 00h00min - Atualizada em 28/07/2021 às 00h00min

Coluna do Lima Rodrigues


Ministra da Agricultura representa o Brasil em evento da ONU que debate os sistemas alimentares globais

A ministra da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Tereza Cristina, representa o governo brasileiro na Pré-Cúpula de Sistemas Alimentares, realizada pela Organização das Nações Unidas (ONU) entre os dias 26 e 28 de julho, em Roma. Ela participa até hoje de painéis e reuniões bilaterais para debater o aprimoramento dos sistemas alimentares a nível global.

No primeiro dia do evento, a ministra participou do painel Achieving Zero Hunger: Nutritiously and Sustainably, que promoveu um diálogo sobre soluções para a erradicação da fome no mundo. Tereza Cristina participou, também, de reuniões bilaterais com ministros de países europeus e representantes de organismos internacionais, como a vice-chefe da ONU, Amina Mohammed e o diretor-geral da Organização das Nações Unidas para a Alimentação e a Agricultura (FAO), Qu Dongyu.

“Nesses encontros, nosso objetivo foi ressaltar que não há uma solução única para a sustentabilidade dos sistemas alimentares e que a imposição de modelos alheios às realidades locais não funcionará. Pelo contrário, poderá resultar em mais fome e escassez. É essencial portanto, que a Cúpula reconheça a diversidade de caminhos para sistemas alimentares sustentáveis”, destacou a ministra.

Tereza Cristina também esteve presente em evento para divulgar as 16 mensagens-chave definidas pelos países da região no âmbito do IICA, com a participação de outros ministros da América Latina e Caribe.

Fomento à produção sustentável

Em relação à produção agrícola brasileira, a ministra mostrou as políticas de fomento à produção sustentável, como o Plano de Agricultura de Baixo Carbono, o Programa de Aquisição de Alimentos e o Código Florestal. Ainda hoje serão promovidos debates sobre a possível formação de coalizões sobre temas de interesse para o Brasil, como merenda escolar e o combate a perdas e desperdícios.

Também participam da delegação do Ministério da Agricultura a Roma o Secretário de Comércio e Relações Internacionais do Mapa, Orlando Ribeiro, o diretor de Regularização Ambiental do Serviço Florestal Brasileiro, João Adrien, e o assessor especial Fernando Zelner, além de membros dos Ministérios das Relações Exteriores, da Saúde, do Meio Ambiente e da Cidadania.

A Pré-Cúpula precede a Cúpula dos Sistemas Alimentares (Food Systems Summit, ou FSS, na sigla em inglês), que está marcada para setembro, durante a semana de Alto Nível da Assembleia Geral das Nações Unidas. O evento pretende acelerar esforços para o cumprimento dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável por meio da transformação dos sistemas alimentares rumo à sustentabilidade. (Assessoria de Imprensa do MAPA).

Piscicultura exporta 158% mais em junho e 83% no 2º trimestre. Paraná lidera

As exportações brasileiras de peixes de cultivo, lideradas pela tilápia, cresceram 158% em junho em comparação ao mesmo mês do ano passado. Considerando o 2º trimestre (abril a junho), o avanço nas vendas internacionais foi de 83% em relação a igual período de 2020 e de 22% frente ao trimestre anterior. O faturamento nesse período atingiu US$ 3,9 milhões. O Paraná superou Mato Grosso do Sul e assumiu a liderança nas exportações de tilápia. Santa Catarina vem em terceiro lugar e a Bahia em quarto.

Entre os clientes da tilápia brasileira, os Estados Unidos lideram, seguido por China e Chile.

 Os dados são do Ministério da Economia, elaborados pela Embrapa Pesca e Aquicultura. A divulgação é feita em parceria com a Associação Brasileira da Piscicultura (Peixe BR).

 O resultado acumulado do 1º semestre também é expressivo. No total, foram US$ 7,2 milhões em receita, com aumento de 35% sobre janeiro a junho de 2020. Destaque para produtos de tilápia, especialmente filé fresco e congelado, que representaram 84% das vendas internacionais. Estados Unidos (45%), China (13%), Chile (13%) e Colômbia (12%) foram os maiores compradores dos peixes brasileiros.

Em termos de produtos de tilápia, o ?lé fresco apresentou maior volume (US$ 927 mil), porém com queda em comparação ao semestre anterior (-15%). As exportações de ?lé de tilápia congelado aumentaram 305% no semestre, atingindo US$ 395 mil.

Destacam-se também o forte crescimento das exportações de tilápia inteira fresca (402%) e congelada (232%).

Resultado positivo
 
“Trata-se de um resultado muito positivo”, diz Francisco Medeiros, presidente executivo da Peixe BR. “Se levarmos em consideração a pandemia e as restrições indevidas de entrada de nossos peixes de cultivo na União Europeia, o desempenho das exportações é satisfatório, pois mostra as empresas brasileiras atentas não apenas ao abastecimento do mercado doméstico mas também ao comércio global, buscando certificações internacionais, além da utilização de drawback e nossa parceria internacional com a Apex-Brasil”, assinala Medeiros, destacando as intensas negociações da Peixe BR com o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA) para buscar a liberação das vendas para os países da UE, interrompidas devido a uma restrição à pesca extrativa, que impacta a piscicultura. (Texto Comunicação).

Grupo Zucatelli

No sábado (24), participei em Imperatriz (MA) de um café oferecido pelo Grupo Zucatelli, em parceria com os tratores XCMG e LS. Participaram do evento vários empresários e pecuaristas de Imperatriz e região, entre os quais o presidente da Associação Comercial e Industrial de Imperatriz, Edmar Nabarro, e o empresário Jairo, da Tagrosal.

O saboroso da café foi coordenado pela gerente-Geral do Grupo Zucatelli, Marlúcia Rodrigues. O evento foi realizado na Nacional RRZ, na Rodovia BR-010, Km 1.352, Coco Grande, em Imperatriz.

Compareci ao café a convite do presidente do Grupo Zucatelli, o empresário e pecuarista Reinaldo Zucatelli. Muito obrigado pelo o convite.

Tristeza

Foi com muita tristeza que recebi na manhã de domingo (25) a notícia da morte do ex-prefeito de Parauapebas (PA), Faisal Salmen. Ele foi o primeiro prefeito eleito da cidade. Dia 30 de abril deste ano fiz uma longa entrevista com o médico Faisal e contei a história de vida dele na série “Entrevistas com Pioneiros”, que estou publicando no site Pebinha de Açúcar e em breve será transformada em um livro. Que Deus conforte sua família neste momento de dor.

Dia 8 de julho entrevistei a ex-prefeita de Parauapebas e ex-mulher de Faisal Salmen, Bel Mesquita, cuja entrevista será publicada em breve no Pebinha de Açúcar. Quando estava deixando a casa da ex-prefeita, Faisal chegou à casa de Bel Mesquita e o cumprimentei. Mais uma vez ele agradeceu a entrevista que fizemos contando sua história de vida, ou seja, um jovem médico que saiu do interior de São Paulo e fez carreira profissional e política em Parauapebas. Foi a última vez que estive com Faisal Salmen. Fique com Deus, meu amigo.

Alegria

Nesta minha estada em Imperatriz e região tive a honra de participar de dois eventos para a comemoração – sem aglomeração – dos aniversários de duas pessoas importantes. No domingo (25) estive em uma chácara em Araguatins (TO), de propriedade da sobrinha Socorro e de seu esposo Moisés, para comemorar os 78 anos do meu primo (por parte de pai), Osmar Pereira da Silva, ao lado de primos, e amigos, com direito a banho no belo rio São Martins. Foi maravilhoso. Parabéns, grande Osmar.

E na segunda-feira (26), com muita alegria, participei de um almoço em homenagem à minha mãe, Iraídes Lima Rodrigues, que comemorou seus 94 anos ao lado dos filhos Lima Rodrigues, Ana Lúcia Topasso e Augusto (de criação), da neta Irlana Patrícia; das bisnetas Lara, Rebeca e Stela, parentes e amigos.

Antes do almoço, em um tradicional restaurante de Imperatriz, dona Iraídes recebeu as bênçãos e a hóstia consagrada das mãos do Padre Francisco, da Paróquia Nossa Senhora Aparecida. Ela era só felicidade. Parabéns minha mãe, e tenha muitos e muitos anos de vida e felicidade. Beijos.
Link
Relacionadas »
Comentários »
Loading...