Vice

Dos pré-candidatos a governador, apenas um tem confirmado seu vice, exatamente Flávio Dino, que manteve o atual vice, Carlos Brandão, na chapa. Os outros não têm qualquer menção e alguns nem candidatos ao Senado, mas a mídia alinhada ao governo tem quase que todos os dias divulgado um vice para Roseana. Esta semana, a bola da vez foi Chiquinho Escórcio, na tentativa de desestabilizar a candidata. Não que Escórcio não seja um nome, no entanto o pensamento da ex-governadora é contar com um nome do interior do estado, mais especificamente da nossa região. Por enquanto, não deu sinais de quem poderá ser o seu companheiro de chapa.

Suzano

Por diversas vezes já foi explicado aqui o processo da instalação da fábrica da Suzano em Imperatriz e volto a tocar no assunto diante da fala do ex-prefeito Ildon Marques, que em entrevista, mesmo sem ser perguntado, fez questão de dizer que ninguém trouxe a Suzano para Imperatriz, como forma de derrubar o discurso do ex-prefeito Madeira, seu concorrente a uma vaga de deputado federal.

Suzano II

Todos sabem que uma indústria, para ser instalada, são feitas pesquisas para verificar as potencialidades do local, tais como energia, transportes, água e outros itens. Isso a Suzano fez, afinal ela iria aproveitar a imensa quantidade de eucalipto herdada da antiga Celmar. Faltava encontrar o local onde a fábrica ficaria e foi neste quesito que Madeira, Roseana e Sarney agiram politicamente para que a fábrica viesse para o município de Imperatriz, e não Porto Franco, que já se preparava para receber o empreendimento. E isso foi o que ocorreu e a intervenção política deu certo, hoje a fábrica está em Imperatriz, gerando divisas e emprego à cidade. Esta é a verdade.

Parque florestal

Que fim levou o projeto de transformar o horto florestal Arara Azul em parque florestal de Imperatriz? Foi amplamente divulgado que seria doado ao município que, por sua vez, iniciaria imediatamente as melhorias para a transformação em parque. Só que até o momento não andou; se andou, não foi divulgado o quanto anda. Pior é que, enquanto não decidem nada, a reserva vai sendo invadida por quem mora em sua proximidade e que derrubam as árvores nativas para fazer carvão, além de servir de esconderijo para bandidos.

Crise?

Que crise que nada! Roberto Carlos se apresentou ontem em Imperatriz pelo cachê de pouco mais de R$ 1 milhão. Para ser mais exato: R$ 1.200.000. Concordo com o que comentou o publicitário Nilson Takashi sobre a realização do evento. "Imperatriz já trouxe tantas porcarias disfarçadas de músicas".

Encontro

Pela adesão antecipada para uma vaga no jantar que as entidades patronais estão organizando para o dia 16, o pré-candidato a presidente pelo PSL, Jair Bolsonaro, deve reunir mais gente disposta a ouvi-lo do que os concorrentes que já passaram por São Luís. Bolsonaro é o segundo colocado nas pesquisas de intenção de voto, quando o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva é incluído na consulta, mas passa à condição de líder sem o petista entre os concorrentes, ou seja, é quase certa sua ida para o segundo turno.

Gasolina

Não foram apenas os caminhoneiros que se beneficiaram com o desconto dado pelo governo federal sobre os preços do óleo diesel para pôr fim à onda de bloqueio de rodovias que paralisou o Brasil por dez dias. Passam a contar com combustível mais barato também os proprietários das caminhonetes de luxo. Enquanto isso, os proprietários de Celta, Classic, Uno, Ka e outros modelos populares continuam pagando caro pela gasolina para manterem seus veículos em circulação. Coisas do Brasil!

Clonagem

Quatro deputados maranhenses já foram vítimas este ano de clonagem dos seus aparelhos de celulares para captação indevida de contribuição de eleitores. O primeiro deles foi o federal Cleber Verde (PRB), depois foi a vez de Adriano Sarney (PV) e agora Valéria Macedo (PDT) e Vinícius Louro (PR). De posse dos números, bandidos começaram a enviar mensagens via WhatsApp, utilizando os contatos dos parlamentares para captar recursos indicando contas que não têm nada a ver com os deputados.