Filiação

Hoje, as atenções dos políticos maranhenses estarão voltadas para Brasília. É lá o acontecimento político da semana, relacionado às eleições de 2018 no estado. O senador Roberto Rocha se filia ao PSDB e garante a sua candidatura ao Governo do Maranhão. O ato de filiação acontece às 15h, no gabinete do senador, com as presenças dos governadores Geraldo Alckmin, de São Paulo, e Marconi Perillo, de Goiás; do presidente nacional do partido, senador Tasso Jereissati; do presidente do Senado, Eunício Oliveira, e de outros parlamentares e lideranças tucanas do Maranhão, como o ex-prefeito de Imperatriz, Sebastião Torres Madeira. O vice-governador Carlos Brandão não estará presente, pois a chegada de Roberto Rocha inviabiliza a reedição da aliança do PSDB com o PCdoB, e ele terá que mudar de partido caso queira continuar acompanhando o governador Flávio Dino. O suplente de senador Pinto da Itamarati e o prefeito de São José de Ribamar, Luís Fernando, também podem sair. Mas o ninho tucano receberá novos filiados, entre deputados, prefeitos, ex-prefeitos, vereadores e outras lideranças.

Protagonista

Ao se manifestar ontem sobre a volta de Roberto Rocha ao PSDB, o ex-prefeito Madeira disse que a filiação revela e fortalece o projeto que o partido tem de disputar o governo em 2018. “O Roberto chega ao nosso partido com todo o apoio necessário. Nesta nova fase, o PSDB do Maranhão deixa a condição de figurante e assume a posição de protagonista”.

Conferência

O PCdoB definiu para o próximo dia 8 a Conferência Municipal de Imperatriz. Começa às 8h, no auditório da Associação Médica. O evento já foi realizado em outros municípios da região. O PCdoB é presidido em Imperatriz pelo secretário de Estado da Infraestrutura, Clayton Noleto.

Motivo

A coluna da edição de sábado/domingo informou que mais de 100 ocupantes de cargos comissionados em unidades de Saúde do estado haviam sido exonerados, conforme portaria assinada pelo secretário de Saúde, Carlos Lula, e pelo chefe da Casa Civil, Marcelo Tavares, e publicada no Diário Oficial de terça-feira, 26 de setembro. A Secretaria de Saúde esclareceu que as exonerações  foram feitas porque os servidores compõem, agora, o quadro das Organizações Sociais e da Empresa Maranhense de Serviços Hospitalares (Emserh), que assumiram a gestão completa das unidades da rede estadual de Saúde. De Imperatriz foram exonerados Fernando Batista Duarte (diretor do Núcleo de Hemoterapia do Hemonúcleo), Tassiana Miranda Brandão (diretora geral do Hospital Regional Materno Infantil), Marcelo dos Santos Feitosa (diretor clínico do Hospital Regional Materno Infantil) e Ricardo Rômulo de Jesus Salomão (diretor clínico da UPA).

Mostrando a cara

O senador Edison Lobão (PMDB) está disposto mesmo a não abrir mão da sua reeleição. Ele começa a deixar os gabinetes de Brasília para se movimentar no interior do estado, como fez no sábado, ao visitar Timon. Teve um encontro com a vereadora Socorro Waquim, ex-prefeita do município. Recentemente, Lobão esteve em Imperatriz, participando da entrega das casas do Residencial Teotônio Vilella.

Disputa

Hoje o Tribunal de Justiça do Maranhão elege, em sessão plenária administrativa que começa às 9h, a Mesa Diretora – presidente, vice-presidente e corregedor-geral da Justiça – para o biênio 2018/2019. Para cada cargo, será feita uma votação. Pela primeira vez na história do TJ a tradição de se escolher o mais antigo membro da Corte será quebrada, porque estão disputando os desembargadores José Joaquim Figueiredo dos Anjos e Nelma Sarney. Pelo critério de antiguidade, ela seria escolhida.